LançamentosNotícias

Volkswagen Tiguan chega renovado e parte de R$ 110 mil

Fotos: Divulgação

A Volkswagen apresentou ontem (29), em Belo Horizonte (MG) o novo Tiguan. O modelo chega renovado e se alinha ao novo DNA da marca. O modelo 2012 além da “cara” nova, recebeu algumas novidades tecnológicas. Devido a decisão do Governo de aumentar o IPI para os carros importados em 30 pontos percentuais, o preço será o “calcanhar de Aquiles” do novo Tiguan, que passa a custar R$ 110 mil, cerca de R$ 4 mil a mais do previsto anteriormente.

O preço do modelo antigo era de R$ 101,3 mil, ou seja, o aumento não chegou a 8%, condiderando o IPI e os novos itens de série“, afirmou Henrique Sampaio, gerente de marketing de produto da montadora de origem alemã, durante a apresentação do modelo. Segundo a marca, seus principais concorrentes são: Hyundai ix35, Honda CR-V, Mitsubishi ASX 4X4 e Kia Sportage.

Na área de tecnologia, destaque para as novidades como: detector de fadiga, que agora é de série, opcionalmente é oferecido partida do motor sem uso da chave, sistema Kessy de acesso ao veículo e Park Assist II, que auxilia no estacionamento em vagas paralelas e também em vagas transversais. Já o sensor de chuva, ar-condicionado e freio eletromecânico de estacionamento com função Auto-hold (sistema que mantém o carro parado mesmo sem acionar a opção “N” no trânsito) são de série.

Sob o capô, nenhuma novidade, está lá o mesmo mtoro 2.0 TSI, com 200 cv de potência, o mesmo que equipa o Jetta TSI, que chaga a 5.100 rpm e 28,5 kgfm de torque a 1.800 rpm. Em conjunto está o excelente câmbio automático de seis marchas (que permite trocas manuais por shift paddles atrás do volante) e tração 4×4 permanente (4MOTION).

A segurança é uma das preocupações da Volkswagen para esse modelo, o Tiguan trás de série seis airbags (dois dianteiros, dois laterais e dois de cortina), controles eletrônicos de estabilidade e de tração e freios ABS. Além de oferecer o sistema Isofix para acomodação de cadeirinhas no banco traseiro. Uma das novidades é o detector de fadiga, já encontrado no Passat, que analisa a forma como o motorista dirige e compara com os 15 primeiros minutos de direção e que caso detecte um desvio no comportamento ao volante, o equipamento emite um alerta, sugerindo ao condutor uma parada para descansar.

Por fora o SUV compacto recebeu pequenas mudanças no visual, com o a grade com dois frisos cromados duplos, que fazem a ligação entre os dois grandes grupos óticos nas extremidades, que tem formato retangular, seguindo as linhas do novo Touareg. Na parte traseira o Tiguan ganhou lanternas novas, que agora são bipartidas, com a parte interna incorporada à porta do compartimento de bagagem. Além de novos pára-choques e rodas. O interior permanece sem alterações.

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo