MotosNotícias

Versões Flex da Honda CB 300R e XRE 300 são lançadas no Brasil

Fotos: Divulgação / Honda CB 300R flex

Depois de serem apresentadas á imprensa em outubro do ano passado, as versões flex da Honda CB 300R e XRE 300 enfim chegaram ao mercado. Com isso, a montadora ampliou a sua oferta de motos biocombustíveis, que já conta com os modelos Biz 125, CG 150 Fan e Titan e com a NXR 150 Bros. Além de poderem rodar com gasolina e/ou etanol, a CB e a XRE tiveram alterações em seu visual.

O sistema flex da 300 é parecido com os demais modelos da Honda,e tem uma recomendação de ter no mínimo 20% de gasolina para dar a partida. O painel do veículo tem uma luz indicadora que acende toda vez que há uma elevada concentração de etanol no tanque e a temperatura abaixo dos 15ºC na hora da partida. Após o aquecimento do motor, ela se apaga.

Honda XRE 300 flex

O motor é monocilíndrico de 291,6cm3, com duplo comando de válvula no cabeçote, quatro válvulas e um radiador de óleo que desenvolve um torque de 2,82 kgfm a 6.500 rpm e uma potência de 26,53 cv a 7.500 rpm, quando abastecido a gasolina. Com o abastecimento a etanol, esses números mudam para 2,86 kgfm a 6.500 rpm e 26,73 cv a 7.500 rpm.

A diferença com o modelo convencional fica por conta do defletor lateral integrado á carenagem, com um desenho mais esportivo. A CBR 300R é comercializada em três opções de cores (preta,vermelha  metálica e amarela) e custa cerca de R$ 11.990 (versão Standard) e R$ 13.690 (versão C-ABS).

Já a XRE tem potência máxima de 26,1 cv a 7.500 rpm ,com um torque de 2,81 kgfm a 6.500 rpm quando é abastecida a gasolina e 26,3 cv e 7.500  rpm a 6.500 rpm, quando abastecida a etanol.

Uma das novidades do modelo é o seu tanque, que foi ampliado para 13,4 litros, garantindo uma autonomia maior, especialmente quando é abastecido a etanol. A XRE 300 é vendida nas cores preta,vermelha metálica e branca, e custa cerca de R$ 13.290 (versão Standard) e R$ 14.990 (versão C-ABS).

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo