CarrosNotícias

Toyota revela bastidores da produção do Mirai

Fotos: Divulgação

Como marco de uma Nova Era da mobilidade urbana a Toyota realizou hoje cerimônia em sua fábrica de Motomachi, no Japão, onde é produzido o Mirai, primeiro veículo movido a hidrogênio produzido em escala comercial no mundo, e revela o modelo em sua linha de montagem. Clique aqui para baixar os vídeos.

O híbrido Mirai, que combina motor elétrico e célula combustível a hidrogênio, emite zero gases poluentes na atmosfera, liberando apenas água ou vapor d’água em seu sistema de escape. O veículo utiliza hidrogênio como combustível para gerar energia elétrica ao motor.

Neste ano, a fábrica de Motomachi tem previsão para produzir cerca de 700 unidades, o que corresponde a uma média diária de três veículos saindo da moderna linha de montagem.

No seu primeiro mês de vendas no Japão, em janeiro deste ano, o Mirai recebeu mais de 1.500 pedidos de compra. Devido a esta grande demanda, a produção irá aumentar para 2 mil unidades por ano, em 2016 e, aproximadamente, para 3 mil, em 2017.

O Mirai possui um motor elétrico, uma bateria, dois tanques de hidrogênio de alta pressão, com capacidade máxima de 70 Mpa, um conversor elevador de tensão, uma central de comando e a célula combustível a hidrogênio – uma estação localizada no centro do assoalho do veículo. É dentro desta estação onde ocorre a reação química para colocar o Mirai em movimento.

O veículo capta o oxigênio da atmosfera através de sua entrada de ar frontal e o leva até esta estação, para onde o hidrogênio contido nos dois tanques também é direcionado. Dentro dela, a célula combustível divide o hidrogênio em duas moléculas, gerando uma carga elétrica. Ao mesmo tempo, o oxigênio se une às células de hidrogênio, formando água. A energia elétrica é direcionada ao conversor, que alimenta o motor do Mirai, e a água é expelida pela válvula de escape. O motor também é alimentado diretamente pela bateria, recarregada por energia cinética gerada pela desaceleração e frenagem do automóvel. O Mirai possui autonomia para rodar 650 km sem necessidade de reabastecimento.

Fonte: Toyota do Brasil Ltda – Relações Públicas

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo