LançamentosNotícias

Toyota Hilux e SW4 2012 ganham novo motor a diesel e novos itens de série

Fotos: Divulgação

A Toyota revelou hoje (27) novidades para a linha Hilux e SW4 2012 para o mercado brasileiro. A partir de agora os modelos contam com uma nova motorização a diesel, o motor D-4D 3.0L 16V com Intercooler, TGV (turbo de geometria variável), common rail e injeção direta, que geram potência máxima de 171 cv a 3.600 rpm e um torque plano máximo de 36,7 kgf.m  entre 1.400 e 3.200 rpm, com a transmissão automática.

Segundo a marca, o novo propulsor atende às exigências do Proconve L6 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores), criado pelo conselho Nacional de Meio Ambiente – CONAMA para veículos leves de até 3,5 toneladas. O programa estabelece níveis de emissões veiculares mais baixos a partir de 2012. O motor também conta com um  de controle de emissões com funcionamento cíclico fechado que ajusta a injeção de combustível eletronicamente, favorecendo a redução das emissões de poluentes, por meio da queima completa do combustível antes da sua liberação no escapamento. O sistema ajusta automaticamente a quantidade e o momento da injeção do combustível na câmara de combustão.

O sistema multimídia com GPS integrado para navegação também conta com tecnologia complementar 3D Gyro e Speed Pulse que analisa o posicionamento e andamento do veículo através de referenciais inerciais e evita a perda de navegação por eventual sombra no sinal da constelação de satélites ao percorrer o interior de túneis, garagens, encostas de morros, entre outros.

A linha Hilux 2012 a diesel ganhou a versão cabine dupla SR 4X4 com transmissão automática, que completa as versões intermediárias, antes oferecidas somente com transmissão manual de cinco velocidades. Agora a Hilux possui nove configurações com motor a diesel, são elas: Chassi/Cabine 4×4, Standard cabine simples e dupla com tração 4×4, Standard cabine dupla com tração 4×4 e Power Pack (vidros, travas e retrovisores elétricos), SR cabine dupla 4×4, A/T (transmissão automática) ou M/T (transmissão manual), SRV cabine dupla 4×4 A/T (transmissão automática) ou M/T (transmissão manual) e SRV TOP 4×4 com transmissão automática. Completam a linha Hilux, ainda, as novas versões da Hilux 2.7 VVT-i Flex Fuel: SRV 4×4 e SR 4×2 (ambas com transmissão automática).

Já a linha Hilux com motor diesel 2.5L D4D de 102 cv foi descontinuado, o que significa que as versões Standard da Hilux passam a ser equipadas também com o novo motor diesel 3.0L D4D turbo intercooler de 171 cv. Enquanto que a linha de utilitários esportivos SW4 também ganha uma nova versão, a SR 4X4 diesel 3.0L D-4D com transmissão automática de 5 velocidades para 5 passageiros. Que completa a linha com cinco versões: SR 4X4 diesel 3.0L D-4D para 5 passageiros, SRV 4X4 diesel 3.0L D-4D em configurações para 7 ou 5 passageiros, agora também equipadas com transmissão automática de 5 velocidades, uma versão SRV 4X4 4.0L V6 a gasolina com transmissão automática para 7 passageiros e a recém lançada SR 4X2 2.7L Flex Fuel com transmissão automática para cinco passageiros.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. ainda bem que a hilux mudou o seu motor. mas eles poderian ter posto 180cv e agora ela vai gastar menos combutivel com o automatico de cinco velocidade

    mas nao podiao ter discartado o motor 2.5 102cv eles tinha que ter aumentado ele tanbem mas agora ficou perfeita apesar de ser a hilux ea l200 que aguenta servisso pesado de fazenda

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo