CarrosNotícias

Renault Kardian começa a ser produzido no Paraná

Revelado globalmente em outubro no Rio de Janeiro, a Renault inicia hoje a produção do Kardian no Complexo Ayrton Senna. A fábrica do Paraná é a primeira do mundo a produzir esse SUV do segmento B, que inaugura uma nova plataforma, um novo motor 1.0 turbo flex e uma nova caixa de câmbio automático de dupla embreagem. O Kardian é o primeiro carro do Renault International Game Plan 2027 e será lançado no mercado brasileiro em março.

A Renault também iniciou nesta semana a pré-venda do Kardian. Os pedidos podem ser feitos no site prevenda.kardian.renault.com.br/r-pass comprando o R Pass no valor de R$ 1.000. Com isso, o cliente tem acesso a reserva do carro e entrega prioritária, além da garantia de preço de pré-venda. O carro será entregue a partir do final de março.

Na pré-venda estão disponíveis as três versões de acabamento: evolution, techno e première-edition, com preços a partir de R$ 112.790. Todas com o novo motor turbo TCe de 125 cv com 220 Nm combinado ao eficiente câmbio automático EDC (Efficient Dual Clutch).

O Kardian se diferencia pelas inovações e recursos normalmente encontrados no segmento superior, como as rodas de 17 polegadas, o console mais alto com alavanca de velocidade do tipo “e-shifter”, bem como as regulagens do sistema MULTI-SENSE que permitem customizar a condução e o ambiente interno, que também pode ser personalizado por meio de opções de oito ambientes luminosos. O veículo é equipado com seis airbags e 13 sistemas avançados de assistência ao motorista (ADAS), como o controle de velocidade adaptativo (ACC) e alerta de distância segura (DW).

A Renault é a única fabricante de automóveis da América Latina a ser reconhecida pelo Fórum Econômico Mundial (WEF), como “Advanced 4th Industrial Revolution (4IR) Lighthouse” – “Farol da 4ª Revolução Industrial Avançada”, por ser uma planta referência em ações envolvendo a indústria 4.0.

Com o Metaverso industrial, a Renault aplica as mais avançadas tecnologias no processo industrial, como inteligência artificial, máquinas e postos de trabalho conectados, gêmeo digital, mineração de dados, impressão 3D e AGVs, os veículos guiados automaticamente, dentre outras soluções, da mesma forma como o Renault Group aplica em outras unidades do mundo.

A Renault também é a primeira fabricante a ser autoprodutora de 100% da energia elétrica utilizada de origem fotovoltaica, limpa e renovável.

A fábrica do Paraná aplica tecnologias avançadas no processo produtivo desde o início da produção no Brasil, em 1998. Foi a primeira montadora do Brasil – e a primeira unidade da Renault no mundo – a adotar a pintura à base de água.

Fonte: Sala de Imprensa | Renault do Brasil

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo