AlimentosCarrosNotícias
Tendência

Recall: Toyota do Brasil convoca 235 unidades do veículo RAV4 para inspeção e eventual substituição do deflagrador do sistema de airbag do lado esquerdo

A Toyota do Brasil veicula a partir de hoje, 22 de outubro de 2020, comunicado sobre abertura da Campanha de Chamamento Preventiva do veículo RAV4, fabricado entre os meses de junho de 1998 e agosto de 1999.

Esta campanha abrange um total de 235 unidades do modelo.

Defeito apresentado: O sistema do airbag do lado do motorista dos veículos envolvidos contém uma peça denominada deflagrador, na qual se constatou a possibilidade de degradação da substância propelente após longos períodos de exposição dos veículos a alta umidade relativa do ar.

A degradação do componente químico contido no deflagrador torna o airbag esquerdo (lado motorista) mais suscetível de romper-se inadequadamente no caso de colisão do veículo, o que pode provocar a deflagração lenta do airbag ou ainda o rompimento do deflagrador.

Riscos e implicações: Em caso de uma colisão frontal, pode ocorrer a ruptura inadequada do airbag (lado motorista) e, consequentemente, danos materiais e lesões físicas graves ou até mesmo fatais ao motorista e demais ocupantes do veículo.

Medidas corretivas: A partir de 26 de outubro de 2020 a Toyota realizará a inspeção e eventual substituição do deflagrador do sistema de airbag do lado esquerdo (lado motorista).

O tempo de inspeção e eventual reparo é de aproximadamente 1 (uma) hora.

Locais de atendimento e agendamento: O proprietário deverá entrar em contato com a Rede de Concessionárias Autorizadas Toyota, para agendamento prévio. A relação de concessionárias autorizadas para atendimento está disponível no site www.toyota.com.br.

A Toyota esclarece que a presente campanha será realizada de forma gratuita ao consumidor.

Para informações adicionais, consulte: S.A.C. Toyota: 0800 703 0206 – www.toyota.com.br/servicos/recall/

Fonte: TOYOTA DO BRASIL

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo