LançamentosNotícias

PRIMEIRA VOLTA – Chevrolet renova Cobalt para tentar dominar segmento

Cobalt Elite 2016 5

Não é de hoje, que os donos de Cobalt vem reclamando da aparência do sedan da marca da gravatinha dourada. Tanto que a própria Chevrolet resolveu dar um “tapa” no visual do modelo, e ele passa pela sua primeira remodelação. Apesar de não ser o sedan compacto mais belo do segmento, o Cobalt sempre teve outros atributos que o destacavam, como o espaço interno e o acabamento de qualidade superior aos concorrentes do mercado. Isso a marca manteve e ainda adicionou mais tecnologia e melhorias significativas que deixaram o sedan mais atraente. Lançado no Brasil em novembro de 2011, o Cobalt foi o modelo escolhido pela Chevrolet para inaugurar a nova linguagem global de design da marca no país.

A carroceria do modelo foi praticamente toda redesenhada e traz agora linhas mais expressivas e dinâmicas, em sintonia com a nova linguagem global de design da marca – inaugurada recentemente nos EUA pelo Malibu. O Cobalt também evolui por dentro, com o uso de materiais e acabamentos mais caprichados. A combinação de cores internas também é nova, assim como os elementos que compões os painéis das portas.

Cobalt Elite 2016 8

Já a segunda geração do MyLink (que faz sua estreia nacional no sedã) dá um toque especial ao painel do veículo. O multimídia proporciona maior integração com smartphones, permitindo ao usuário, por exemplo, ler e ditar mensagens de texto por comando de voz, acessar aplicativos de música online ou mesmo de navegação, incluindo o Google Maps, que informa as condições de trânsito e sugere rotas alternativas.

O Cobalt 2016 também está bem mais equipado. Há itens adicionais de conforto e de conveniência tanto nas configurações com o motor 1.4 Econo.Flex como nas com o motor 1.8 Econo.Flex, cujo torque chega a 17 kgfm – o maior entre os principais concorrentes. Esse propulsor pode vir acoplado ao câmbio automático de seis velocidades.

Cobalt Elite 2016 9

Outra novidade é a versão Elite. Topo de linha, ela chega para ser a mais tecnológica e exclusiva do segmento. Ela oferece bancos com revestimento premium Brownstone; sensores de chuva, crepuscular e de estacionamento; câmera de ré e o exclusivo e inovador sistema OnStar da Chevrolet, que oferece diversos serviços, entre eles de emergência e de segurança.

Toda a parte frontal e a traseira do sedã são completamente novas, assim como os para-lamas dianteiros e as rodas de alumínio, criando um balanceamento de proporções e formas completamente diferentes. O modelo foi desenvolvido no Centro de Design da GM do Brasil.

Cobalt Elite 2016

A dianteira é marcada pelo novo capô vincado, e pela tradicional grade com duas aberturas e o logo Chevrolet entre elas, agora semelhante à do recém-lançado Malibu norte-americano. Os faróis do Cobalt estão mais afilados e trazem uma armação cromada na parte interna que demarca a área específica das lâmpadas. Os faróis ganharam ainda projetores de dupla parábola, com o objetivo de aumentar a capacidade de iluminação do veículo.

As mudanças seguem pelo para-choque. A peça recebeu vincos que ressaltam elementos como as novas molduras dos faróis auxiliares e a elegante entrada de ar inferior. Ainda na parte de baixo, há uma espécie de spoiler, esculpido para melhorar a aerodinâmica do sedã.

Cobalt Elite 2016 4

O mesmo refinamento pode ser percebido na parte traseira do Cobalt. As lanternas – antes marcadas pelos traços retos – passam a adotar linhas curvilíneas e estilo mais sofisticado. No modelo 2016, a peça invade agora a área do bagageiro e imprime uma nova assinatura luminosa.

A tampa do porta-malas, aliás, foi igualmente redesenhada para dar ao mesmo tempo dinamismo e charme ao conjunto. Um discreto e útil aerofólio aparece moldado na parte superior. Logo abaixo fica a gravata dourada da Chevrolet, enquanto o logotipo cromado que identifica o nome carro aparece no canto inferior direito.

Cobalt Elite 2016 3

Já o para-choque traseiro está sutilmente mais musculoso e envolvente, deixando o cano de saída do escape praticamente escondido. Os sensores de estacionamento (presentes nas versões de luxo) também parecem estar camuflados, resultando em um visual limpo e agradável.

As rodas de alumínio também trazem desenho inédito e mudam de estilo conforme a versão do carro. São calçadas por pneus radiais 195/65 R15. Uma gama de oito cores refinadas valoriza as linhas expressivas do novo design do carro e harmonizam-se muito bem com as do habitáculo, elevando assim a percepção de status.

novo-cobalt-2016-31-620x412

Além das tradicionais cores Branco Summit, Azul Macaw, Prata Switchblade, Preto Carbon Flash e Cinza Graphite, foram incorporadas à linha 2016 o Bege Pepper Dust, o Cinza Aztec e o Marrom Mogno Brown, esta desenvolvida exclusivamente para o lançamento do veículo.

A cabine do Cobalt 2016 também passou por melhorias, porém, mais timidas. Vários itens foram atualizados e há uma extensa adoção de materiais mais nobres, geralmente presentes apenas em veículos de segmentos superiores.

Cobalt Elite 2016 7

Há opção de bancos com revestimento premium bicolor (Jet Black e Brownstone), molduras das saídas de ar e da alavanca da transmissão automática em acabamento preto brilhante (black piano) e volante multifuncional revestido com costura pespontada.

Os painéis das portas foram completamente reprojetados para agregar sofisticação à cabine e conforto ao usuário. Os apoios de braço são do tipo “soft touch” e agradáveis ao toque. Seguem o mesmo padrão de revestimento dos bancos.

novo-cobalt-2016-7-620x414

Além do formato, o posicionamento dos puxadores e dos comandos dos vidros elétricos foram igualmente revistos com o intuito de aprimorar a ergonomia. Com novo visual, tecnologias inéditas e melhor resolução gráfica, o sistema multimídia MyLink de segunda geração traz um ar de modernidade e frescor ao painel, que tem quadro de instrumento com iluminação em LED e velocímetro digital.

O mecanismo do ar-condicionado também foi modernizado: os comandos passam a se concentrar no trio de botões giratórios, e o sistema de recirculação passa a ser acionado automaticamente a partir da velocidade três do ventilador.

novo-cobalt-2016-10-620x414

Outra novidade interessante são os botões na base do espelho retrovisor central. Eles comandam o exclusivo sistema OnStar da Chevrolet. Por meio deles, o usuário entra em contato com uma central de atendimento 24 horas e pode usufruir de serviços de emergência, concierge e de conectividade. Há ainda um aplicativo para smartphones, que permite monitorar e comandar diversas funções do veículo remotamente.

O espaço interno continua sendo uma das grandes virtudes do Cobalt na linha 2016. Com o maior entreeixos da categoria (2.620 mm), o modelo oferece espaço suficiente para ombros e pernas. Assim, até cinco adultos ficarem confortavelmente acomodados. A cabine conta ainda com 18 porta-objetos e um bagageiro “tamanho família” de 563 litros – o maior entre os sedãs de produção nacional.

O Cobalt 2016 chega às concessionárias Chevrolet em cinco diferentes combinações entre motorização (1.4 e 1.8), transmissão (MT5 e AT6) e acabamento (LT, LTZ e Elite). O sedã já vem equipado de série com os itens de conforto e segurança mais valorizados pelo consumidor da categoria, como ar-condicionado; direção hidráulica; conjunto elétrico das travas, portas e vidros; chave tipo canivete com controle remoto de abertura inclusive da tampa do porta-malas; bancos e volante com regulagem de altura; freios ABS com EBD (distribuição eletrônica de frenagem) e airbag duplo.

novo-cobalt-2016-14-620x414

Para elevar a relação custo-benefício da versão LT (de entrada), foi incorporado à lista ainda os comandos elétricos dos retrovisores e dos vidros traseiros. O modelo conta com acabamento interno diferenciado, na qual predomina a cor preta “Jet Black” com alguns toques de cinza “Dark Ash Gray”, enquanto os bancos são de tecido de estampa marcante e diferenciada. O motor 1.4 Econo.Flex e a transmissão manual de cinco marchas completam o pacote.

O mesmo trem de força pode equipar a versão LTZ (de luxo), que oferece também a opção do propulsor 1.8 Econo.Flex e da transmissão automática de seis velocidades com o sistema Active Select.

Nesta configuração, o modelo soma faróis de neblina com moldura cromada, sensor de estacionamento, computador de bordo, volante multifuncional, bancos com a nova combinação de tecido e revestimento premium, encosto de braço em material “soft touch” controle de cruzeiro, multimídia MyLink, sistema OnStar e rodas de alumínio.

Quanto ao acabamento, esta versão combina internamente tons de preto com variadas nuances de marrom que, somados aos detalhes de acabamento cromado e preto brilhante, expressam requinte.

novo-cobalt-2016-21-620x413

Ofertada em pacote único, a nova versão Elite (topo de linha) foi pensada para o consumidor que busca um sedã médio-compacto acessível, espaçoso para a família, mas com a mesma sofisticação encontrada em modelos de categorias superiores.

A lista ainda inclui bancos com revestimento premium nas cores Brownstone e Jet Black e a assinatura do nome da versão, volante e encosto de braços com costura pespontada, frisos cromados na região das saias laterais, sensor de chuva e crepuscular, além de rodas de alumínio especialmente desenvolvidas para o modelo.

O sistema OnStar e o multimídia MyLink de segunda geração são outros itens de série do Cobalt Elite.

novo-cobalt-2016-111-620x414

O Cobalt 2016 é ofertado em duas opções de motorização. Ambas trazem tecnologia tipo VHCE. O propulsor 1.4 Econo.Flex desenvolve até 102 cavalos (a 6.200 rpm) e 13 kgfm de torque (a 3.200 rpm), enquanto o propulsor 1.8 Econo.Flex desenvolve até 108 cavalos e 17,1 kgfm de torque a 3.200 rpm.

Outro diferencial mecânico do Cobalt 2016 perante a concorrência é a opção da transmissão automática de seis velocidades com sistema Active Select, que permite ao motorista realizar as trocas manualmente, se desejar. O sistema tem funcionamento suave e preciso.

O Cobalt 2016 para estrear a segunda geração do seu multimídia MyLink, que destaca-se pelo design mais moderno e intuitivo, além de novas funcionalidades, como os sistemas Android Auto, da Google, e CarPlay, da Apple. Para o motorista, isto significa maior integração entre as funções do smartphone e do carro, já que o sistema permite a operação do telefone celular diretamente na tela da central multimídia.

novo-cobalt-2016-41-620x413

Com a nova tecnologia será possível, por exemplo, ditar e ouvir mensagens de texto por meio do sistema de áudio do veículo, obter itinerários, consultar condições de trânsito, fazer buscas de restaurantes e outros pontos de interesse e até mesmo acessar aplicativos, entre eles o WhatsApp e o Skype, de mensagens, e o Spotify e o TuneIn, de músicas online.

Outra novidade da segunda geração do Mylink é o design mais moderno e intuitivo do aparelho. A tela de sete polegadas ganhou melhor resolução gráfica e tecnologia multi-touch. Similar à de smartphones, ela facilita e potencializa a navegação com os dedos e permite reorganizar os ícones da página inicial, por exemplo.

Por conseguir identificar telefones com o sistema operacional iOS e Android, o multimídia projeta menus com as interfaces próprias de cada um deles para a rápida familiarização do usuário. Já as teclas de avançar e retroceder do multimídia foram deslocadas do visor para o painel externo do aparelho e o botão do volume passa a ser giratório, facilitando a operação. Várias funções ainda podem ser comandadas por teclas no volante multifuncional do Chevrolet Cobalt 2016.

Além disso a porta USB permite agora conectar por meio de um hub externo dois dispositivos USB e um iPod, por exemplo, enquanto até 10 celulares podem ser emparelhados com sistema Bluetooth, sendo que somente um celular pode ser conectado de cada vez..

O aparelho possui ainda um sistema de segurança eletrônico para impedir furtos – ele só funciona no veículo em que foi primeiramente instalado e não pode ser usado em outro automóvel. O OnStar é um sistema de telemática avançado que oferece ao motorista mais de 20 serviços de Emergência, Segurança, Navegação, Concierge e Conectividade em um patamar jamais visto no mercado automotivo nacional.

Pressionando um botão no retrovisor interno, o motorista é conectado a uma central com atendimento humano que oferece serviços como pesquisas rápidas na internet, reservas e informações sobre situações de tráfego (vias alagadas ou bloqueadas). Pode-se igualmente acionar o botão OnStar para solicitar assistência mecânica, elétrica ou médica em caso de emergência.

A comunicação entre os ocupantes e o atendente do Centro de Atendimento ocorre por meio de uma linha celular exclusiva do veículo, que transmite a conversa pelos autofalantes e microfones do sistema “hands-free” do carro.

O OnStar também avisa quando o automóvel está sendo furtado ou envolveu-se em um acidente que resultou na deflagração dos airbags. Isso acontece pois os sensores espalhados pela carroceria são capazes de detectar situações de anormalidade e alertam o Centro de Atendimento. Profissionais capacitados então fazem a análise da situação e solicitam, se necessário, o auxílio das autoridades competentes.

O OnStar também permite que o usuário comande funções do veículo por meio de um aplicativo para smartphone, como o travamento das portas.

Pelo app ainda é possível programar para receber notificações quando o veículo inicia uma nova movimentação, saber qual é a sua localização atual e ainda pedir para ser avisado quando o velocímetro ultrapassar o limite de velocidade predeterminado – recursos úteis principalmente quando o automóvel é cedido a terceiros.

O aplicativo é compatível com os sistemas Android e IOS e pode ser baixado na Play Store e agora também na Apple Store. O OnStar cumpre bem esta tarefa, pois, além de simples e funcional, permite ser operado sem que o condutor desvie a atenção do trânsito.

Para o Brasil, foram desenvolvidos alguns serviços customizados para atender as demandas do mercado local. Entre os mais relevantes estão o que possibilita o motorista fazer consultas na internet por meio do Concierge e o que alerta para a circulação em área de rodízio na cidade de São Paulo. Ao todo, são mais de 20 opções de serviço à disposição do cliente Chevrolet de todo o país que possuam a tecnologia habilitada em seus veículos.

No Cobalt 2016, a Chevrolet oferece como cortesia o serviço OnStar por 12 meses. O processo de habilitação pode ser iniciado na concessionária. Na sequência, o cliente recebe um e-mail para finalizar seu cadastro e dar seu aval para a ativação.

Confira os preços do novo Cobalt:

Cobalt 1.4 LT – R$ 52.690

Cobalt 1.4 LTZ – R$ 57.590

Cobalt 1.8 LTZ – R$ 59.990

Cobalt 1.8 LTZ AT – R$ 65.990

Cobalt 1.8 Elite AT – R$ 67.900

PRIMEIRA VOLTA

Teresópolis/RJ – A primeira coisa que chama atenção no novo Cobalt 2016 é o visual. Saem aquelas linhas desproporcionais e de goto duvidoso, e entra um desenho mais harmonioso e de acordo com os concorrentes do seu segmento, ficando agora mais competitivo.

As linhas modernizadas deixaram o Colbalt mais bonito e agradável de olhar. As lanternas traseiras lembram os modelos da Série 3 da BMW e a dianteira focou bem futurista, com os faróis bem afilados. Por dentro, nada de novo, apesar de ter sofrido algumas mudanças bem pequenas, descritas no texto de apresentação do carro.

Fora o visual, o carro não mudou nada em termos de mecânica. Avaliamos a versão Elite, com motor 1.8 e câmbio automático. O Cobalt mantém a mesma configuração interna, com espaço de sobra para os passageiros. Que no caso do teste, foram quatro jornalistas em cada carro.

O motor rende bem, tanto nas retas, quanto nas subidas mais íngremes, o teste foi feito em um rápido bate-e-volta até a cidade serrana de Teresópolis. Nas curvas ele se sai bem, a suspensão é bem equilibrada e deixa o motorista bem à vontade para contorna-las sem surpresas. Enfim, o Cobalt manteve as mesmas características que o fizeram se destacar no segmento, só que agora está mais bonito.

Evento a convite da Chevrolet do Brasil

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo