CarrosNotícias

Planos para o Ford C-Max Energi nos Estados Unidos

Fotos: Divulgação

A Ford acaba de anunciar que planeja introduzir o C-Max Energi plug-in híbrido em 19 estados americanos e, no próximo ano, realizar um lançamento nacional do veículo, que tem preço fixado em 29.995 dólares, nos Estados Unidos.

Construído sobre a plataforma do Ford Focus, o C-Max Energi é alimentado por dois motores, um elétrico e outro a gasolina com até 195 cv de potência e, segundo a Ford, pode se deslocar por até 32 quilômetros somente com a energia da bateria. Para a empresa, sua autonomia, com os dois motores, chega a 800 quilômetros.

Testes da Ford revelam que o C-Max Energi pode alcançar mais de 130 km/h, com o motor elétrico, velocidade bem superior ao do Toyota Prius plug-in híbrido que tem máxima de 100 km/h. A comparação não se estende ao Chevrolet Volt que tem um pacote de baterias maior do que o Toyota Prius. O Volt pode viajar até 56 quilômetros somente com a energia da bateria, dependendo das condições da estrada.

Em relação ao consumo de combustível, o C-Max híbrido foi certificado pela Agência de Proteção Ambiental dos EUA para rodar até 20 km/litro, tanto em trânsito urbano como no rodoviário.

Hoje, o novo C-Max híbrido se tornou um grande símbolo de como a Ford se transformou numa fabricante voltada para a economia de combustível e líder em tecnologia com uma média de consumo, em todos os seus veículos, de 20 km/litro.

O foco na economia reflete sustentabilidade e é representado por cerca de 500 patentes de peças e equipamentos voltadas para a tecnologia que emprega motores híbridos, beneficiando, cada vez mais, um maior número de clientes.

Fonte: Ford para Todos

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. Eu acho essa proposta de carro desnecessária, pois do que adianta o motor elétrico se tem o motor a gasolina para poluir???, e além disso o motor elétrico provavelmente só deve funcionar na cidade, ou faz o carro só elétrico, ou só a gasolina.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo