MotosNotícias

MV AGUSTA traz Rivale 800 por R$ 55.500

Fotos: Divulgação

Começa a chegar nos próximos dias nas concessionárias MV AGUSTA mais uma das integrantes da Família 800 da marca italiana: Rivale. O modelo, que redefine o conceito de exclusividade em duas rodas, traz em sua concepção características de uma naked com detalhes inspirados nas motocicletas de competição supermotard. Essa forma híbrida é claramente identificada no design, no revolucionário motor de três cilindros em linha e no modo divertido e dinâmico que a nova MV se comporta quando a ignição é acionada.

Única em design, desempenho e pilotagem. Inquestionavelmente uma MV Agusta, a nova Rivale 800 significa a entrada da marca de motocicletas mais premium do planeta em um novo segmento. Neste projeto, a MV fez questão de investir num produto que pudesse alcançar excelente performance com uma ergonomia capaz de garantir conforto e total controle da motocicleta em todas as condições. O preço sugerido é de R$ 55.500,00.

O visual incomparável foi estendido para todos os componentes e para cada superfície dessa máquina. A Rivale 800 exala emoção no design em todos os ângulos, estando na fronteira entre futurista e nostálgico e foi considerada a motocicleta mais bonita do Salão de Milão/EICMA em 2012. A composição da motocicleta deixa motor e chassi sempre em destaque, já a carenagem frontal é compacta e discreta, mas evidencia a personalidade exuberante do modelo. Três elementos – para-lama, painéis laterais e tanque de combustível – estão unidos individualmente para formar um visual forte e ao mesmo tempo inconfundível.

A área central foi reduzida até o limite da física e projetada para garantir um estilo de pilotagem que garanta máxima liberdade de movimento ao piloto em um assento consideravelmente confortável e ergonômico.

A traseira é elegante, sinuosa e especialmente marcante graças aos piscas posicionados  em um para-lama “flutuante”. Na dianteira a tecnologia LED é utilizada de uma forma semelhante para realçar o perfil da motocicleta. Esta solução oferece uma identidade absolutamente distinta, ampliando a visibilidade e a segurança. Já os piscas frontais tridimensionais estão perfeitamente integrados aos protetores das mãos.

O três cilindros em linha, desenhado e produzido inteiramente pela MV e que equipa os modelos da linha 800, está se tornando um verdadeiro clássico graças ao excelente desempenho e eficiência. É claro que outras soluções para este tipo de motor estão sendo introduzidas por outros fabricantes no mercado, porém nenhuma delas foi capaz de se igualar à extraordinária compacidade característica do três cilindros da MV conseguido por meio da implementação de diferentes soluções técnicas.

O bloco do motor foi fabricado por fundição a frio e tem forros integrais; os circuitos de refrigeração e lubrificação são integrados com o motor a fim de reduzir significativamente o tamanho, garantindo um estilo superior, uma qualidade indispensável encontrada em todas as MV Agusta.

A excelência tecnológica deste motor é reconhecida pelo peso (apenas 52 kg) e pelo virabrequim contra rotativo, equipamento de motos de competição e amplamente utilizado no MotoGP, introduzido pela primeira vez em uma motocicleta de produção em série pela MV Agusta. O objetivo é reduzir a inércia quando se muda direção e aprimorar a manobrabilidade da motocicleta.

Duplo comando de válvula no cabeçote com quatro válvulas por cilindro; admissão e escapamento foram desenhados especificamente para a Rivale com base na performance do modelo. Mais um exemplo da excelência em engenharia desse modelo é que a caixa de câmbio de seis velocidades é independente e pode ser extraída. Além disso, está equipada com sistema EAS (Electronic Assisted Shifter) proporcionando trocas de marcha mais rápidas e precisas.

A configuração da potência e do torque foi especificamente definida para melhorar a dinâmica da Rivale, criando assim uma motocicleta que oferece uma experiência puramente emocionante. A excepcional versatilidade do motor – capaz de produzir 148 cv na esportiva F3 800 – assegura desempenho consistente e divertido a partir dos 125 cv a 12.000 rpm, com torque máximo de 84Nm a 8.600 rpm, o que garante que a Rivale alcance um desempenho consistente em todas as rotações, bem como uma resposta de aceleração imediata graças ao Ride by Wire.

O sistema  MVICS (Motor & Vehicle Integrated Control System, ou Sistema de Controle Integrado de Motor & Veículo) é uma plataforma que foi desenhada para se tornar uma marca registrada dos projetos de três cilindros da MV AGUSTA. Por meio de uma consistente gestão integrada, todos os parâmetros de controle eletrônico da moto podem ser geridos e coordenados de forma eficiente, melhorando assim o desempenho e otimizando a eficiência termodinâmica em todas as condições. O sistema de aceleração Full Ride by Wire e o completo painel de instrumentos trabalham como interface entre piloto e o sistema MVICS, enquanto os controles no guidão possibilitam que o condutor interfira prontamente em uma ampla gama de parâmetros para personalização e segurança da motocicleta. Aliás, customização e segurança são os objetivos operacionais do MVICS que permite ao piloto escolher entre quatro mapas de injeção: os três primeiros são níveis de desempenho pré-definidos –  Sport, Normal e Rain. O quarto permite que cada item seja personalizado assegurando uma condução de acordo com as preferencias do piloto.

Resposta do motor e de torque, limitação de giros, sensibilidade de aceleração e de freio motor são alguns dos itens que podem ser personalizados através da plataforma MVICS, que também inclui 8 níveis avançados de controle de tração que foram cuidadosamente definidos para garantir os melhores resultados em termos de entrega de potência, mesmo quando as condições de pilotagem forem mais críticas.

Tubulação ALS e placas de liga de alumínio: esta é a solução escolhida para este quadro, outra característica fundamental do projeto da linha de três cilindros da MV. Em particular, a seção dianteira tem sido fabricada com tubos de aço garantindo um design suficientemente flexível, o que levou à atual ciclística da Rivale. Placas de liga de alumínio completam a estrutura traseira do chassi que está sujeita a pesadas cargas de torção ​​devido ao longo braço oscilante. Aliás, o braço oscilante é uma das opções estratégicas do projeto: é longa se comparada com a distância entre eixos extremamente compacta (apenas 1.410 mm) e fornece tração necessária e máximo rendimento em todas as condições. Características específicas da Rivale levaram ao desenvolvimento de um chassi sob medida: o ângulo do caster foi aumentado em 0,5° em relação aos projetos da F3 675 e 800 e da com Brutale 675 e 800. O aumento do curso da suspensão é outra característica importante deste modelo: os garfos invertidos garantem 150mm, permitindo assim a distribuição do peso. A posição de pilotagem leva à uma eficiente dinâmica sem comprometer o conforto, ou seja, o guidão está próximo ao piloto, uma configuração ideal garantindo total controle da moto e transferindo a carga para a dianteira, aumentando assim a precisão da condução, inclusive em curvas.

A Rivale 800 conta, ainda, com freios ABS de série, oferecendo uma frenagem de altíssima qualidade graças ao duplo disco flutuante dianteiro de 320 mm de diâmetro e as pinças Brembo radial monobloco com quatro pistões (32 mm de diâmetro). O traseiro conta com disco de 220mm, duplo pistão Brembo de alto desempenho (34 mm de diâmetro).

O painel de instrumentos foi projetado e produzido exclusivamente para Rivale: ele é totalmente digital e oferece fácil leitura das informações, especialmente dos indicadores de giro e velocidade. A versatilidade do painel permite ao piloto escolher a informação a ser exibida, no entanto, o mapa de resposta do motor e a marcha selecionada estão sempre claramente visíveis, bem como o nível do controle de tração e a temperatura do motor. A leitura do equipamento é assegurada em todas as condições de iluminação graças à tecnologia utilizada para a exibição das informações. Os controles dispostos no guidão foram concebidos de acordo com princípios de racionalidade e ergonomia; cada botão e interruptor é facilmente acessível e a distância das alavancas de freio podem ser ajustadas.

Os pedais feitos de liga de alumínio são leves e robustos e também foram projetados especificamente para a Rivale. Os apoios para os pés foram equipados com uma proteção de borracha para reduzir as vibrações, assegurando uma boa aderência ao calçado do motociclista, seja bota ou algo mais casual. A alavanca de câmbio é protegida com uma elegante blindagem de alumínio.

Fonte: www.daframotos.com.br

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo