MotosNotícias

Definidas as concessionárias KTM no Brasil

Foto: Divulgação

A partir da segunda quinzena do próximo mês de dezembro começa a programação de abertura da rede de concessionárias Flagship KTM. As lojas conceito têm a exclusividade da comercialização de toda a linha de produtos já confirmados para o Brasil, vestuário, peças de reposição e acessórios e na prestação de serviços de pós-venda especializado on e off-road.

Entre os modelos que estarão à venda nas Flagships estão os importados 1190 Adventure, 1290 Super Duke R, 50 SX e 65 SX, e os já produzidos no Brasil, como as off road 350 EXC-F, 250 EXC-F e a 300 EXC. A partir de abril de 2015 juntam-se as street 390 Duke ABS e 200 Duke, ambas nacionalizadas.

“Buscamos no País grupos sólidos e com extenso conhecimento no setor de duas rodas premium. Temos total convicção de que a KTM estará muito bem representada”, afirma José Ricardo Siqueira, gerente de marcas da DAFRA Motos, responsável pela operação nacional da KTM.

A cidade do Rio de Janeiro (RJ) também faz parte dos planos da KTM no Brasil. O processo de nomeação do representante da marca na capital carioca já está em andamento e deve ser finalizado ainda em 2014. A inauguração da loja-conceito no Rio está prevista para o 1º trimestre de 2015.

Além das lojas Flagships, no retorno da KTM ao Brasil a marca será distribuída por revendas dual brand DAFRA/KTM, que terão uma capilaridade maior, tendo em vista que aproveitarão a rede da marca brasileira já instalada, porém com trabalho focado nos modelos 390 Duke ABS, 200 Duke e RC 390 ABS, bem como vestuário, acessórios, peças e serviços pós-venda exclusivos para esses três produtos.

O cronograma de implantação da rede Dual Brand começa no 2º trimestre de 2015. Os representantes já estão em fase de nomeação e serão definidos até o final deste ano.

“Trabalharemos em duas frentes, criando lojas-conceito em mercados que se destacam no segmento premium e investindo numa maior sinergia entre os produtos de baixa/média cilindrada street de KTM e de DAFRA. Dessa forma acreditamos que conseguiremos nos posicionar rapidamente de maneira eficaz e sustentável no mercado nacional”, explica José Ricardo.

Fonte: www.daframotos.com.br

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo