CarrosNotícias

Citroën revela Aircross Concept

Fotos: Divulgação

O concept car Aircross seduz por seus volumes fluidos e orgânicos, destacando um grafismo seguro e bordas sutis. a carroceria é como um tecido leve que deita naturalmente sobre pneus de grandes dimensões (275/45 r 22). Concebidos exclusivamente para o citroën aircross pela continental, eles possuem formas de borracha maciça e elementos longitudinais, cujos cortes profundos oferecem um alto nível de motricidade nos mais difíceis terrenos. os aros gráficos e modulares envolvem a roda, afirmando as habilidades off-road do Citroën Aircross.

Acabou o SUV com linhas acentuadas e inclinadas para a estrada. o Citroën Aircross segue novos caminhos e afasta qualquer forma de agressividade. Um território de expressão novo no mundo altamente codificado dos SUVs.

Os para-choques dianteiro e traseiro lisos e homogêneos são portadores da identidade da Citroën. Na frente, reencontramos os chevrons e a assinatura luminosa dupla, inaugurada pelo C4 Picasso. Da mesma forma, na parte traseira, as lanternas com efeitos 3D são técnicas e gráficas, cada uma com um friso descontínuo, interrompido em seu centro. Os elementos característicos do estilo Citroën se completam por um teto flutuante e vidros sem ruptura, reforçando um aspecto global horizontalizado.

Com o concept Citroën Aircross, a Citroën reinterpreta os Airbump® inaugurados com o C4 Cactus, adaptando-os às exigências do SUV.  Se os Airbump® têm por vocação proteger a carroceria de todos os pequenos choques do cotidiano, os AlloyBump protegem o CITROËN AIRCROSS contra os choques laterais, tal como um ‘padding’ visível. Os Alloy Bump consistem em uma estrutura alveolar em espuma de alumínio muito absorvente. Uma matéria oriunda do mundo do automobilismo e que combina proteção, leveza e estética. Uma resposta inovadora e adaptada às necessidades do segmento SUV.

Os elementos gráficos também destacam a procura por uma silhueta aerodinâmica com superfícies trabalhadas para otimizar os fluxos de ar. Primeiramente, o Air Sign, assinatura cromada que ressalta o vidro traseiro, deixando passar o fluxo de ar por um túnel. Mas, também, as entradas de ar, as Air Curtains na frente, os extratores de passagem de rodas dianteira e traseira, ou ainda, a forma muito afilada dos retrovisores que participam da aerodinâmica do Citroën Aircross, contribuindo para o seu design.

Na verdade, o concept Citroën Aircross valoriza os passageiros e o universo interno. Dupla função para os Air Signs que, além de participarem da aerodinâmica, sublinham a importância da fileira 2. O Citroën Aircross é um SUV compartilhado.

O concept Citroën Aircross exibe uma cor exterior intensa, um vermelho-alaranjado saturado, portador de otimismo e que nos remete ao universo da inspiração. Uma cor que não deixa ninguém indiferente, com destaque para as linhas do Citroën Aircross. E para marcar a continuidade entre o espaço interno e o externo, essa cor combina perfeitamente com o universo interior do concept.

Essa cor é marcada por peças em metal maciço nas bases dos retrovisores, na grade frontal, nos Air Signs ou, ainda, nos ganchos de engates. Essas peças, com um aspecto muito bruto e autêntico, conferem segurança e robustez ao Citroën Aircross e confirmam o fato dele pertencer ao mundo dos SUV.

Volumes generosos e abertos por um espaço equilibrado e sereno (e ao mesmo tempo funcionais com inúmeros porta-objetos engenhosos). Formas fluidas vêm em contraste de elementos técnicos, tais como o painel de bordo liso e aéreo, pontuado por apenas dois aeradores laterais e as telas táteis, únicas funções visíveis do espaço interno.

um tratamento gráfico em transversalidade para sugerir espaço e conforto. Reencontra-se no conceito Citroën Aircross o espírito sofá iniciado pelo C4 Cactus, mas, desta vez, interpretado de forma diferente para se adaptar ao universo SUV. De fato, devido à presença do console central, a transversalidade é sugerida graças a uma continuidade gráfica entre as portas, os assentos e o console central (e graças também ao revestimento dos bancos e do console central em couro branco). Esta horizontalidade do espaço interno contribui à sensação do ultra conforto.

O bem-estar também se expressa visualmente por meio do universo luminoso e colorido do espaço interno, em harmonia com a cor externa. Uma atmosfera energizante e absolutamente moderna, onde o couro branco entra em contrasto com o tecido e o couro laranja. Este tratamento das cores e das matérias contribui à atmosfera envolvente do Citroën Aircross.

Um trabalho inédito nas telas digitais: a personalidade gráfica faz parte do território da Citroën. Além de uma projeção no para-brisa, o Citroën Aircross tem duas telas panorâmicas HD de 12”, que propõem um universo gráfico incrível e inédito, oriundo do universo da moda e do mobiliário. Essas telas fornecem verdadeiramente as informações de direção e navegação por meio de uma riqueza gráfica incomparável. Em consonância com o ambiente interno, cores cintilantes destacadas por jogos de pixels aquecem a atmosfera digital do Citroën Aircross. Cores audaciosas, longe dos códigos dos automóveis tradicionais.

Uma das duas telas é móvel e motorizada: instalada em um trilho, ela pode se deslocar à vontade (até o passageiro) por meio de um simples movimento da mão graças a um sensor no console. O passageiro pode assim, se beneficiar de informações sobre o trajeto, assistir a um filme, escolher uma música, ou ainda, visitar a uma exposição. Ultra conectado, ele se torna tanto motorista quanto o próprio ator da viagem. As duas telas também podem se fundir para formar uma só, à disposição do motorista que pode controlá-las com ajuda de touch pads localizados de um lado e do outro do volante.

Uma espacialização do som para um verdadeiro conforto acústico: cada um dos 4 assentos é equipado de alto-falantes e de microfone para facilitar o intercâmbio entre os passageiros ou, contrariamente, os isolar. Graças a essas bolhas sonoras, cada um pode escolher com quem ele deseja se comunicar, preservando o descanso e relaxamento dos outros passageiros. A viagem torna-se um momento de calma ou de trocas, cabe você escolher!

Uma interação com o mundo exterior: duas webcams estão localizadas em cada lado do Citroën Aircross (nas molduras das portas). Para se poder, desta forma, tirar fotos ao longo dos passeios e montar um álbum de viagem que poderá ser compartilhado à vontade nas redes sociais. Diretamente retransmitidas nas telas do Citroën Aircross, as imagens obtidas por essas webcams podem também ser usadas ​​para coletar informações sobre os monumentos circundantes e chegar até eles graças à navegação. A viagem torna-se um momento lúdico e de compartilhamento.

O concept Citroën Aircross se beneficia da tecnologia Hybrid Plug-In associada a uma motorização a gasolina. A cadeia de tração híbrida recarregável se caracteriza pela implantação de um motor elétrico no eixo traseiro. Uma configuração audaciosa que otimiza seu comportamento dinâmico e sua motricidade, garantindo ao mesmo tempo consumos e emissões baixas. Ele gera uma potência de 95cv (70kW) e um torque de 200 Nm. Este motor elétrico é alimentado por baterias de íon-lítio, recarregáveis em apenas 3 horas e meia utilizando-se uma tomada elétrica doméstica (16A). Ele é combinado a uma motorização a gasolina 1.6 THP, cuja potência é de 218cv (160kW) e torque de 275 Nm.

Graças à hibridização plug-in, o Citroën Aircross contribui significativamente com o meio ambiente. No caso de uso urbano, com o modo ZEV (Zero Emission Vehicle) acionado, o sistema permite ter acesso a um modo totalmente elétrico e uma autonomia de 50 km. Em condução rodoviária, o motor térmico assume automaticamente a tração, oferecendo alto desempenho.

O prazer e as sensações ao dirigir não foram sacrificados. Pelo contrário, em caso de forte solicitação sobre o pedal do acelerador – ou da demanda imediata de torque, uma função “boost” associa o torque do motor térmico àquele do motor elétrico e permite que o concept Citroën Aircross atinja desempenhos de alto nível (313cv), sem penalizar o consumo (1,7 l/100 km e 39 g/km de CO2). O 0 a 100 km/h é atingido em 4,5 segundos.

Fonte: Citroën Do Brasil – Relações públicas e imprensa

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo