AvaliaçõesTestesVW
Tendência

Avaliação – Volkswagen T-Cross 1.0 200 TSI MT 2020

Fotos Marcus Lauria

A Volkswagen demorou, mas caprichou em vários pontos em seu primeiro SUV compacto nacional diante dos seus concorrentes. Não tive a oportunidade de ir ao lançamento da versão testada, que inclusive foi em nossa Cidade Maravilhosa (RJ), mas surgiu a chance de testar a versão de entrada com motor 1.0 e câmbio manual com mais calma por uma semana com o modelo cedido pela fabricante.

Oferecido em 3 versões de acabamento 200 TSI, 200 TSI Automático e Comfortline 200 TSI Automático, o T-Cross com motor 1.0 de três cilindros se destaca em vários pontos que em um SUV compacto é muito importante. Não duvide da força desse motor e nem da dirigibilidade por ser um SUV. A versão avaliada peca um pouco no acabamento, mas as versões acima dessa tem uma qualidade melhor dos materiais utilizados, também não é um problema que vá atrapalhar o uso diário dessa versão.

Produzido sobre a Estratégia Modular MQB o T-Cross oferece ao condutor um excelente comportamento dinâmico e prazer ao dirigir, e não estou fazendo propaganda da Volkswagen aqui, para confirmar o que estou dizendo basta você dirigir e ver que o meu comentário é verdade, pelo valor dessa versão mesmo que seja um pouco mais cara que a concorrência, com certeza é o melhor em todos os aspectos. O seu peso de 1.250 kg em conjunto com o motor 200 TSI Total Flex desenvolve potência de até 128 cv (94 kW) a 5.500 rpm, com etanol – com gasolina, são 116 cv (85 kW), à mesma rotação, proporcionam muita diversão ao voltante. O torque máximo é de 200 Nm (20,4 kgfm), com gasolina ou etanol, sempre na faixa de 2.000 a 3.500 rpm.

O propulsor trabalha combinado com um câmbio manual de seis marchas (opcionalmente tem o câmbio automático também com seis marchas com função Tiptronic) com trocas suaves e precisas, comum nos modelos da marca. Esse conjunto motor e câmbio deixam o T-Cross com disposição para ultrapassagens e retomadas como em veículos de maior potência e também deixam o modelo muito econômico, seja na estrada ou no trânsito urbano.

De acordo com a marca, o T-Cross 200 TSI com câmbio manual acelera de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos e atinge a velocidade máxima de 189 km/h. Os números de consumo de combustível (obtidos conforme as normas NBR6601 e NBR7024, corrigidos pela portaria INMETRO nº10 de 11/01/12) são de 13,1 km com um litro de gasolina (combinado cidade/estrada) e 9,1 km com um litro de etanol. O tanque de combustível do T-Cross tem capacidade para 52 litros.

Bem equipado o T-Cross de entrada já traz de série Controle de Estabilidade (ESC), seis airbags, freios a disco nas quatro rodas, bloqueio eletrônico do diferencial (XDS+), direção elétrica e ajuste de altura e distância para o volante, assistente para partida em rampas (Hill Hold), sensores traseiros de estacionamento, sistema ISOFIX para fixação de cadeirinhas infantis, faróis com função “Coming & Leaving home”, faróis de neblina com função “cornering”, luzes de condução diurna em LED, lanternas traseiras em LED, banco dianteiro do passageiro com encosto rebatível, suporte para smartphone com entrada USB para carregamento, travas e vidros elétricos e volante multifuncional.

Como opcional, o pacote Interactive I inclui sistema de som Composition Touch com tela colorida sensível ao toque de 6,5” e App-connect, dois alto-falantes adicionais (além dos quatro de série), câmera de ré para auxílio em manobras e sensores dianteiros de estacionamento (sensores traseiros são de série). Visualmente, se diferencia da 200 TSI pela grade dianteira em preto brilhante e pelo logotipo “Automatic” na tampa do porta-malas.

São oito as opções de cores para a carroceria: branco puro, preto ninja, prata sargas, cinza platinum, vermelho crimson (versão avaliada), azul norway e as novas laranja energetic e bronze namibia.

O T-Cross mede 4.199 mm de comprimento e 1.568 mm de altura, com 2.651 mm de distância entre-eixos. A capacidade do porta-malas do T-Cross é excelente (o volume é variável entre 373 e 420 litros). O encosto rebatível do banco do passageiro dianteiro oferece ainda mais flexibilidade. O modelo tem freios a disco nas quatro rodas como item de série. Os discos terão 276 mm de diâmetro nas rodas dianteiras e 230 mm de diâmetro nas rodas traseiras.

As suspensões do T-Cross têm configuração dianteira independente tipo McPherson e interdependente na traseira, com eixo de torção. Traz pneus “verdes”, de baixa resistência ao rolamento, que colaboram para a redução no consumo de combustível – sem deixar de lado a performance dinâmica (dirigibilidade e frenagens). São duas medidas disponíveis: 205/60 R16 e 205/55 R17.

Primeiro SUV feito pela Volkswagen no Brasil, o T-Cross é o primeiro carro conectado da América Latina. O modelo oferece de série na versão Highline, e como opcional para as demais versões, o “VW Connect”, primeira plataforma digital que conecta as principais informações do veículo em um aplicativo.

Essa tecnologia não substitui o “Manual Cognitivo”, que utiliza o sistema IBM Watson para responder aos motoristas questões sobre o veículo, incluindo informações contidas no manual do carro. O preço da versão avaliada é de R$ 84.990 e chama-se apenas 200 TSI, em seguida vem a 200 TSI Automático por R$ 94.490, logo vem a Comfortline 200 TSI Automático por R$ 99.990 e a topo de linha Highline 250 TSI Automático por R$ 109.990.

*FICHA TÉCNICA:

Mecânica

Motorização 1.0

Combustível             Gasolina / Etanol

Potência (cv)            128     116

Torque (kgf.m)         20,4    20,4

Velocidade Máxima (km/h)           193     N/D

Tempo 0-100 (s)      10,2

Câmbio          manual de 6 marchas

Tração           dianteira

Direção          elétrica

Suspensão dianteira          Suspensão tipo McPherson e dianteira com barra estabilizadora, roda tipo independente e molas helicoidal.

Suspensão traseira            Suspensão tipo eixo de torção e traseira com barra estabilizadora, roda tipo semi-independente e molas helicoidal.

Dimensões

Altura (mm)   1.558

Largura (mm)           1.760

Comprimento (mm)             4.199

Peso (Kg)      1.250

Tanque (L)    52

Entre-eixos (mm)     2.651

Porta-Malas (L)        420

Ocupantes    5

*Dados do fabricante

 

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo