AvaliaçõesFiatNotícias
Tendência

Avaliação – Jeep Compass 1.3 T270 Longitude (Aut) 2022

Lançado em 2016 e produzido no Brasil, Compass é exportado do Polo Automotivo Goiana (PE) para 16 países da América Latina

Fotos Marcus Lauria

Lançado em nosso País em outubro de 2016, o Jeep Compass, que em inglês significa bússola, instrumento utilizado para navegação e orientação, se mostrou pronto para dominar o mercado. Com aproximadamente 315 mil unidades produzidas e mais de 280 mil comercializadas no Brasil, o modelo fabricado no Polo Automotivo Goiana (PE) é exportado também para 16 países da América Latina (Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicaragua, Panamá, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela).

Além disso, no último mês foi o segundo automóvel mais vendido no País pela primeira vez, ter alcançado seu segundo melhor mês na história e conquistado novamente a liderança entre os utilitários esportivos. O SUV médio também acaba de completar cinco anos desde que foi lançado e foi eleito nos últimos quatro anos o “SUV Compacto” menos desvalorizado por aqui.

E para não perder o posto de “Rei” dos SUVs médios, a Jeep apostou em inovações no modelo no ano em que a marca celebra seu 80º aniversário. O Compass 2021 ganhou novidades mecânicas e tecnológicas. Também ficou ainda mais conectado com a Adventure Intelligence, plataforma de serviços conectados exclusiva da marca. Também ganhou uns retoques por fora e por dentro. E para comprovar que o que era bom ficou ainda melhor a marca nos emprestou por uma semana para teste a versão Longitude com o novo motor 1.3 TurboFlex T270.

Externamente, o Novo Jeep Compass traz novidades no para-choque dianteiro, novas rodas para todas as versões, na lanterna traseira, pintura das partes plásticas, faróis Full LED com assinatura em LED e faróis de neblina com a mesma tecnologia. Os novos faróis trazem ainda mais sofisticação ao conjunto óptico do Compass, com performance superior aos atuais bi-halógenos ou xênon, garantindo maior segurança ao dirigir à noite e maior vida útil (acima de 100.000 horas), reduzindo a necessidade de manutenção. O visual mudou pouco por fora, mas foi suficiente para suavizar ainda mais seu desenho e deixar o SUV mais harmônico.

Com o novo para-choque dianteiro e um ângulo de entrada ainda maior, passando dos atuais 16,2° para até 21,5° no Novo Compass, o que representa um aumento de 33%. A mudança traz mais conforto e capacidade de vencer obstáculos cotidianos como buracos e canaletas. As versões turbo diesel seguem com ângulo de entrada de até 30,6°.

O Novo Compass está disponível nas novas cores Cinza Sting para Trailhawk e Série S e Cinza Granite para Sport, Limited, Longitude, 80 Anos e Trailhawk. Além dessas, também seguem como opções as cores Branco Polar, Prata Billet, Marrom Deep, Verde Recon, Preto Carbon e Azul Jazz.

Por dentro é que se notam as maiores mudanças, ao entrar no Novo Compass o motorista e os passageiros vão perceber as novidades logo de cara, são elas: quadro de instrumentos full digital e HD de 7″ na versão avaliada, volante, painel de porta, centrais multimídia de até 10,1” (para as versões Limited, Trailhawk e Série S), console central, painel de instrumentos e mais espaço para porta-objetos. Estão disponíveis três opções de cores para acabamento interno: Preto, Marrom Arizona e a nova Cinza Steel (esta última disponível para as versões Longitude e Série S). Ainda apresenta navegação embarcada de série e espelhamento para Android Auto e Apple CarPlay através de conexão sem fio. Além disso, recebeu a plataforma de serviços conectados da Jeep, a Adventure Intelligence by Jeep Connect, que na versão Plus traz todos os features já apresentados no Renegade (aqui) e ainda outras funcionalidades exclusivas como: Localizador de estacionamento e de posto de combustível: através da central multimídia, o usuário pode buscar por novos pontos de interesse, como restaurantes, postos de combustível e estacionamentos ou utilizar aqueles já previamente favoritados. A novidade é que a busca é feita diretamente na nuvem, trazendo sempre a informação mais atualizada para os clientes; Send & Go: nesta função, o usuário pode pesquisar algum ponto de interesse (como restaurantes, estacionamentos e outros estabelecimentos) pelo celular enquanto ainda está em casa, por exemplo, e enviá-lo para a navegação no veículo.

Ao ligar o carro, a rota será automaticamente traçada pelo mapa inteligente e a viagem pode começar em segurança, sem a necessidade do cliente ficar parado pesquisando um endereço ou ponto de interesse; Last Mile Navigation: o recurso permite ao usuário enviar do sistema de navegação para o aplicativo móvel o último endereço salvo. Nem sempre é possível encontrar um estacionamento no endereço desejado. Nessas horas, para a caminhada entre o estacionamento e o destino final, a função garante a caminhada mais rápida, especialmente em locais desconhecidos, passando mais segurança ao usuário e Remote Start – Agora é possível ligar o Compass pelo celular ou por dispositivos com assistente de voz, como a Alexa, para deixar a temperatura do carro mais agradável em dias frios ou quentes, por exemplo.

Totalmente digital, ele traz maior tela de display de LCD; nova tecla HOME no comando volante, que facilita a navegação do usuário; capacidade de renderização de imagem 3D do veículo; possibilidade de alteração de tema em modo digital ou analógico e personalização de menus favoritos com até cinco opções diferentes. Por dentro o Compass é espaçoso, confortável e bom de dirigir. Em uma viagem até Búzios, saindo do Rio de Janeiro, o trajeto foi percorrido sem problemas, motorista e passageiros não se cansaram e o porta-malas deu conta do recado.

Além de tecnologias avançadas de assistência à direção como o controle de velocidade adaptativo (ACC), o alerta de colisão com frenagem automática (FCW), o alerta de mudança de faixa (LDW), o Park Assist e o farol alto automático (AHB). Além das tradicionais bolsas de ar frontais para motorista e passageiros, o Novo Compass traz também como item de série para todas as versões os airbags laterais e de cortina, o que proporciona ainda mais segurança para seus ocupantes. No total, são seis airbags de série nas versões Sport, Longitude e 80 Anos e sete na Limited, Trailhawk e Série S (o adicional é para os joelhos do motorista).

Disponível de série para todas as versões o Auto Hold tem como objetivo trazer mais conforto em engarrafamentos e paradas longas, permitindo que o motorista retire o pé do pedal de freio nas condições de veículo parado, mesmo que não esteja na posição P (Parking). Para recolocar o carro em movimento, basta que o condutor acelere novamente o veículo. Para acioná-lo é só pressionar o botão no console. Além disso, o sistema memoriza a escolha do motorista, não sendo necessário pressionar o botão toda a vez que ligar o veículo. A entrada USB tipo C possui as funcionalidades de troca de dados com o celular e de carregamento, além de permitir que outros dispositivos como pendrives possam ser utilizados para trocar dados com a multimídia. De série em todas as versões, a nova entrada USB tipo C consegue fornecer até 15 watts de potência para o carregamento de celulares, agilizando o processo.

Uma das novidades entre as funções que é de série na nova geração é o Jeep Traction Control + é um sistema de controle de tração que atua em condições em que o veículo tenha piso de baixa aderência com o solo em uma das rodas. Ele está disponível para todas as versões Turbo Flex. O sistema aplica torque de frenagem na roda que está escorregando e transfere, pelo diferencial, o torque para outra roda que esteja em contato com o piso. Para habilitar a função, basta que o motorista pressione a tecla ASR OFF.

Outra novidade é o modo Sport. Ao ativar a tecla, o usuário seleciona uma calibração diferenciada, com trocas de marchas mais rápidas que passam a ser realizadas em rotações mais altas. Isso torna a resposta do acelerador mais ágil e a direção fica mais firme, proporcionando uma experiência de condução mais esportiva.

A versão Longitude além de possuir todos os itens da versão de entrada, traz ainda seis airbags, central multimídia de 8,4” com espelhamento sem fio para Android Auto e Apple CarPlay, faróis Full LED com assinatura em LED, faróis de neblina em LED Jeep Traction Control+, Auto Hold, rodas de 17”, ar condicionado dual zone, freio de estacionamento eletrônico, Sistema Keyless Enter ‘N Go, sensores de chuva e crepuscular, quadro de instrumentos de 3,5” e três entradas USB (sendo uma tipo C). Como opcionais estão os bancos de couro (R$ 2.500), e o pack Protection (R$ 950), a Longitude – tanto na configuração a diesel como flex – ainda possui de série central multimídia de 10,1” com os serviços conectados da plataforma Adventure Intelligence e espelhamento sem fio para Android Auto e Apple CarPlay, Navegação Embarcada, bancos em couro, quadro de instrumentos de 7”, retrovisores elétricos, aletas no volante, retrovisor eletrocrômico e novas rodas de 18 polegadas. Como opcionais, possui teto solar elétrico e panorâmico Command View (R$ 8.900) e bancos em couro na cor Cinza Steel (R$ 1.600). O Jeep Compass Longitude T270 Turbo Flex AT6 parte de R$ 154.990

Sob o capô do modelo avaliado está o motor turbo flex mais moderno, potente e de maior torque produzido no Brasil: o T270. Com potência máxima de 185 cv a 5.750 rpm e torque máximo de 270 Nm a 1.750 rpm, o propulsor faz de 0 a 100 km/h em apenas 8,8 segundos e tem nota A de consumo pelo Inmetro. Ele conta com taxa de compressão de 10,5:1, bloco de alumínio e injeção direta de combustível. Em conjunto está o câmbio automático de seis velocidades. O propulsor dá conta do recado e é cheio de disposição, tanto em ultrapassagens como em subidas mais íngremes, na estrada se comportou muito bem, dando segurança ao motorista, as curvas são feitas sem dificuldade, a suspensão firme deixa o SUV da Jeep bem seguro para contornar curvas mais fechadas sem medo.

O T270 traz a terceira geração do MultiAir, que tem o controle das válvulas ainda mais flexível e com mais eficiência de combustível nas condições de alta carga, quando mais se deseja desempenho do veículo. O sistema eletro-hidráulico MultiAir permite o controle flexível da duração e da elevação das válvulas de admissão, além do controle de carga do motor sem gerar perdas de bombeamento e contribuindo para reduzir o consumo de combustível do motor em operações de baixa e média carga. O MultiAir III adicionou a possibilidade de variar a taxa de compressão efetiva do motor, mantendo a tendência à detonação sob controle independente do combustível utilizado. Assim, como resultado, se consegue mais eficiência de combustível nas condições de alta carga, quando se deseja desempenho do veículo. O T270 conta com tecnologias como o bloco de alumínio, termostato elétrico e arrefecimento do óleo do motor.

Confira cinco curiosidades sobre o Jeep Compass:  Em sua plataforma atual, o Compass é um modelo global, mas o Brasil foi o primeiro a fabricá-lo. Depois, passou a ser produzido em outros quatro países: México, China, Índia e Itália. Anteriormente, o modelo foi produzido nos EUA e começou a ser importado para o Brasil em 2012; São Paulo (SP) é a cidade que mais compra Jeep Compass no Brasil. Depois dela, seguem no ranking Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF) e Fortaleza (CE); Branco é a cor mais vendida do Compass e a versão Longitude Flex é a queridinha dos brasileiros;  O modelo é o único que conta com motor Turbo Diesel em seu segmento e o Compass é comercializado em mais de 100 mercados em todo o mundo.

*FICHA TÉCNICA:

Mecânica

Motorização 1.3

Combustível             Álcool            Gasolina

Potência (cv)            185     180

Torque (kgf.m)         27,5    27,5

Tempo 0-100 (s)      8,8

Consumo cidade (km/l)      7,3      8,7

Consumo estrada (km/l)    10,5    12,1

Câmbio          automática com modo manual de 6 marchas

Tração           dianteira

Direção          elétrica

Suspensão dianteira          Suspensão tipo McPherson e dianteira com barra estabilizadora, roda tipo independente e molas helicoidal.

Suspensão traseira            Suspensão tipo McPherson e traseira com barra estabilizadora, roda tipo independente e molas helicoidal.

Dimensões

Altura (mm)   1.635

Largura (mm)           1.819

Comprimento (mm)             4.424

Tanque (L)    55

Entre-eixos (mm)     2.636

Porta-Malas (L)        410

Ocupantes    5

*Dados do fabricante

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo