CarrosNotícias

Aston Martin fecha parceria com a Red Bull

Aston Martin & Red Bull collaborate

A Aston Martin oficializou uma parceria técnica com a Red Bull Racing e a Red Bull Advanced Technologies, para o desenvolvimento de um supercarro “inovador”, que deverá chegar em 2018.

O projeto, com o nome de código AM-RB 001, será liderado por Adrian Newey, o responsável técnico da equipe de Fórmula 1, reconhecido como um “mago” da engenharia na Fórmula 1.

A produção ficará entregue à divisão de personalização “Q” da Aston Martin (que recentemente assinou o Vulcan), que ficará responsável pela fabricação de menos de 100 unidades do hipercarro, que terá um preço entre 2,5 e 3,8 milhões de euros por unidade.

Os detalhes são ainda escassos, mas sabe-se que o projeto será um superesportivo híbrido a gasolina com um sistema de recuperação de energia ao estilo dos F1 e WEC. O desenho da suspensão também deverá ter uma configuração vinda da competição, possivelmente pull-rod ou push-rod de duplos triângulos sobrepostos.

Em declarações à Revista Autocar, o CEO da Aston Martin, Andy Palmer adiantou que o supercarro “poderá vir a ser mais rápido do que um Fórmula 1 em Silverstone”.

A parceria entre as duas empresas, contudo, não vai ficar por aqui. Está previsto também o desenvolvimento de carros mais “convencionais” e a presença da Aston Martin na Fórmula 1.

O primeiro passo será dado já na temporada de 2016 da Fórmula 1, com o RB12 da Red Bull a ostentar o logótipo da Aston Martin nas asas.

“Este é um projeto muito emocionante para todos na Red Bull. Através desta parceria para a inovação, o icónico logótipo da Aston Martin vai voltar a correr nos Grandes Prémios pela primeira vez desde 1960”, afirmou o chefe de equipa da Red Bull, Christian Horner.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo