CarrosNotícias

Latin NCAP: Yaris recebe quatro estrelas

A segunda série de resultados 2019 do Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe, Latin NCAP, foi apresentada hoje com classificação máxima e Advanced Award para o Volkswagen T-Cross, e um bom resultado de quatro estrelas para o Toyota Yaris.

O Toyota Yaris, produzido no Brasil, conquistou quatro estrelas para Proteção de Ocupantes Adultos e quatro estrelas para Proteção de Ocupantes Infantis, para as versões hatchback e sedan. O Toyota Yaris, equipado com dois airbags frontais e ESC como equipamento de segurança padrão, apresentou boa proteção para adultos no impacto lateral, e proteção aceitável para boa no impacto frontal. A estrutura classificada como instável conseguiu, junto com a proteção aceitável para boa dos ocupantes adultos e a falta de airbags laterais para proteção da cabeça, uma pontuação de quatro estrelas para Proteção de Ocupantes Adultos. O passageiro criança de três anos de idade foi instalado voltado para trás de acordo com as recomendações globais mais recentes para passageiros desta idade, o que explica a pontuação máxima para ambos os passageiros infantis na avaliação do teste dinâmico. A sinalização das ancoragens ISOFIX não atende aos requisitos do Latin NCAP, o que, somado à falta de um interruptor para desconectar o airbag do passageiro, explica as quatro estrelas para Proteção dos Ocupantes Infantis.

O Volkswagen T-Cross, produzido no Brasil, obteve um resultado sólido de cinco estrelas para Proteção de Ocupantes Adultos e cinco estrelas para Ocupantes Infantis. O recém-lançado Volkswagen T-Cross, equipado com seis airbags como equipamento padrão e Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), em todas as versões, mostrou boa proteção para seus ocupantes nos três testes de colisão realizados (frontal, lateral e lateral de poste). O modelo também atendeu, satisfatoriamente, aos requisitos do teste ESC. Em referência à Proteção de Ocupantes Infantis, o modelo inclui ancoragens aprovadas de tamanho I-size que facilitam a instalação dos Sistemas de Retenção Infantil (SRI) para crianças de idades mais avançadas voltadas para trás, de acordo com as melhores práticas globais. O modelo também conta com um interruptor para desconectar o airbag do passageiro e oferece a possibilidade de instalar, com segurança, todos os SRIs testados na prova de instalação. O primeiro SUV compacto da Volkswagen para o mercado da América Latina e do Caribe alcançou a mais alta qualificação para o ocupante adulto e o ocupante infantil, além do prêmio Latin NCAP Advanced Award de Proteção de Pedestres e Tecnologia de Frenagem de Colisão Múltipla.

Alejandro Furas, Secretário Geral do Latin NCAP, disse:

“Apelamos a todos os fabricantes que é inaceitável que, mesmo em 2019, alguns fabricantes globais não tenham atingido as cinco estrelas nos testes de batida do Latin NCAP. A decisão da Toyota, de ser o primeiro fabricante de veículos na região a recomendar, desde 2015 vem impulsionando esta medida na maioria dos testes do Latin NCAP, que a criança de três anos deve ser colocada voltada para trás, demonstra a relevância que o fabricante dá à proteção dos ocupantes infantis. Fazendo questão disso, deixa um precedente para outros fabricantes de veículos acompanharem esses termos de segurança infantil”.

Fonte: LatinNCAP

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo