LançamentosNotícias

Primeira Volta – Toyota lança Corolla renovado parte de R$66.570

Fotos: Divulgação

A Toyota do Brasil apresentou hoje (12) em Campinas (SP), o novo Corolla 2014. O modelo que é o mais vendido na história da indústria automobilística mundial e campeão de vendas da marca no Brasil está totalmente renovado e com fôlego para manter a liderança.

O sedan japonês está sendo oferecido em quatro versões de acabamento e duas opões de motorização, além de ganhar um design totalmente renovado e moderno e com pacote de equipamentos de conveniência completo, amplo espaço interno e itens de segurança. O que deixou o modelo ainda mais interessante.

O Corolla é comercializado em cinco continentes, desde 1966, ano do lançamento de sua primeira geração, e fabricado no Brasil desde 1998. São mais de 40 milhões de unidades comercializadas, e é considerado o carro mais vendido do mundo, com registro no livro dos recordes.

As vendas começam na próxima sexta (14) em todas as concessionárias da marca e segundo a empresa, o novo Corolla tem como missão manter o posicionamento de liderança entre os sedãs médios no mercado nacional e atrair novos clientes, mais jovens.

O novo Corolla está sendo vendido em quatro versões: GLi 1.8 com transmissão manual de seis velocidades; GLi 1.8 com transmissão automática Multi-Drive, que simula sete velocidades no modo Drive e no modo sequencial, por meio de trocas na alavanca de transmissão; e XEi e Altis, ambos 2.0 e equipados com transmissão automática Multi-Drive que ainda oferece ao motorista trocas de marchas manuais no modo sequencial, tanto na alavanca do câmbio quanto por meio de borboletas localizadas atrás do volante.

O GLi com câmbio manual parte de R$ 66.570, enquanto que a GLi com transmissão automática parte de R$ 70 mil. A XEi parte de R$ 80 mil chegando a impressionantes R$ 93 mil para a Altis, versão topo de linha, ambas com motor 2.0.

Segundo a marca, o novo Corolla ganhou uma nova relação de direção, que ficou 8% mais direta, e o posicionamento do volante, reduzido em dois graus, para facilitar a posição de dirigir. Por dentro o espaço interno também foi melhorado, agora ele mede 2,7 metros de distância entre-eixos, 10 centímetros a mais do que a geração anterior. A parte interna recebeu novos bancos dianteiros, agora mais finos. As caixas de rodas foram deslocadas para as extremidades da carroceria, somando 7,5 centímetros adicionais entre a base do banco traseiro e o encosto do banco dianteiro.

O novo desenho do Corolla é baseado em dois conceitos: Keen LookeUnder Priority e  OKeen Lookreflete, a nova identidade visual dos veículos Toyota e é uma expressão inspirada no olhar de um atleta de alto rendimento antes de uma competição. É o que afirmam os designers da marca. Dianteira, traseira e lateral mesclam formas côncavas e convexas, criando um desenho muito semelhante a vários modelos já existente, mudando apenas formas das lanternas e faróis.

Desde a versão de entrada a marca zela pelo bom acabamento. O uso de materiais de boa qualidade é visto em abundância no sedan da marca. O interior e predominante em tons escuros e painel com acabamento do tipo Total Black., isso na versão GLi., enquanto que na versão XEi, o modelo vem com banco, volante, painel das portas e manopla de câmbio com revestimento padrão couro, na cor cinza, com detalhes em padrão fibra de carbono.

Enquanto que a versão Altis, topo de linha revela mais requinte com o revestimento padrão couro, na cor bege, e detalhes em padrão madeira escura no painel central, portas e na manopla de câmbio. Ambas as versões possuem detalhes cromados nos puxadores das portas e nos difusores do ar-condicionado.

O novo Corolla é oferecido com duas motorizações, 1.8 litro Flex, que rende 144 cv de potência máxima; e o 2.0 litros Flex, de 154 cv. Ambos construídos com bloco e cabeçote de alumínio. Também fazem parte do conjunto mecânico a opção de dois tipos de transmissões, uma manual de seis velocidades, na versão de entrada GLi, e a exclusiva transmissão automática Multi-Drive, presente nas demais versões.

 Veja a tabela de preços do Novo Corolla:

1.8L GLi Manual – R$ 66.570,00,00
1.8L GLi Multi-Drive – R$ 69.990,00
2.0L XEi Multi-Drive S – R$ 79.990,00
2.0L Altis Multi Drive S – R$ 92.900,00

PRIMEIRA VOLTA

Campinas (SP) – Tivemos contato com a versão de entrada da décima primeira geração do Corolla, a GLi com câmbio de variação contínua (CVT), por R$ 70 mil. O modelo se comportou bem durante todo o teste, pecando apenas no barulho excessivo do câmbio, que teimava em fazer um zumbido constante durante as reduções e trocas mais rápidas, quando se exigia mais do acelerador.

O espaço interno é muito amplo, tanto para motorista e passageiros, o porta-malas é enorme e cabe muita bagagem. Em relação ao antigo Corolla, o novo ficou mais firme e mais estável, mantendo sempre a trajetória em qualquer situação. A direção ficou um pouco mais leve, isso a maca poderia rever, para dar mais segurança nas ultrapassagens, ou manobras mais bruscas. Mas é perfeita para estacionar.

O motor 1.8 Flex, que rende 144 cv de potência máxima dá conta do recado, as acelerações são estáveis e contínuas, não se sente em momento algum as trocas de marchas, e o motor fica cheio o tempo todo. Ideal para retomadas mais repentinas. Mesmo em trechos urbanos, a suspensão se comportou bem, e não transmitiu as irregularidades do piso ruim para o interior do carro. Mantendo o silêncio á bordo. Os comandos são fáceis de usar e intuitivos, o acabamento é de boa qualidade na maior parte do interior e é fácil achar a posição certa de dirigir. Faltou um amortecedor para a tampa do capô, item encontrado até no Renault Logan, de origem indiana, assim como o porta-malas, que revela o antiquado “pescoço de ganço”, onde o certo seria os eficientes amortecedores, para não amassar as bagagens.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo