CarrosNotícias
Tendência

Nissan LEAF completa 10 anos de produção

Como o 100% da marca se tornou uma referência em mobilidade sustentável?

10 anos. 10 marcos. Com base no seu know-how e herança, a Nissan tem motivos para celebrar uma década do LEAF, um veículo que combina tecnologia avançada e potência eletrificada para uma experiência de direção única.

  1. RECONHECIMENTOS: Em 2011, foi o primeiro veículo elétrico a ganhar o prêmio de “Carro Europeu do Ano” em 47 anos de história desse reconhecimento. E também foi considerado “Carro Mundial do Ano”. Na América do Sul, conquistou importantes prêmios da imprensa especializada brasileira¹.
  2. MAIS PODER: Em média, a capacidade e o alcance da bateria de LEAF aumentaram 120%, ampliando a confiança dos clientes no uso diário
  3. NOVAS TECNOLOGIAS: Introdução de equipamentos sem precedentes, que ajudaram motoristas a otimizar a eficiência, incluindo o inovador e-Pedal para condução com um único pedal para frear e acelerar, regeneração da energia da frenagem e Eco-Mode
  4. ASSOCIAÇÕES: Dando mais um passo na eletrificação da América Latina, a Nissan forneceu o 100% elétrico Nissan LEAF para a locadora de veículos Movida no Brasil. Desde novembro de 2020, 50 veículos estão disponíveis para aluguel e para mais pessoas poderem desfrutar uma nova experiência de direção
  5. EFICIÊNCIA: Do início do processo de produção ao final do ciclo de vida dos veículos elétricos, eles geram até 80% menos CO² do que os veículos com motor de combustão equivalente. Conforme sua tecnologia e design evoluem, a sustentabilidade do LEAF aumenta, ajudando a alcançar um futuro mais limpo
  6. AS BATERIAS TÊM MAIS DE UMA VIDA….
    Elas podem ser reutilizadas e recicladas. Como as 148 baterias que ajudaram a criar o maior sistema de armazenamento de energia do mundo na Arena Johan Cruijff, em Amsterdã em 2018. No Brasil, a Nissan forneceu baterias de LEAF ao Centro de Pesquisa e Capacitação em Energia Solar da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que desenvolve vários projetos com elas, como a criação de postes de luz que são alimentados por uma combinação de painéis solares e baterias do LEAF
  7.  …e são seguras e confiáveis
    As baterias de LEAF têm demonstrado serem extremamente duráveis, sem incidentes críticos reportados à Nissan desde seu lançamento em 2010 e mais de 500 mil unidades vendidas no mundo
  8. ESTRATÉGIA: Como primeira marca a comercializar um modelo elétrico em vários países da região da América Latina, a Nissan criou uma estratégia de validação EMO (Electric Mobility Operator), na qual um parceiro certificado com todos os padrões da marca fornece a infraestrutura aos clientes, como a instalação do carregador caseiro Wallbox para “abastecer” as baterias do veículo em casa
  9. ALIANÇAS: Desde sua chegada à América Latina, a Nissan estabeleceu mais de 10 alianças com instituições de renome na Argentina, Brasil, Chile e Equador para impulsionar a eletro mobilidade e gerar consciência sobre uma condução com zero emissões, zero acidentes. Alguns exemplos:
    A Nissan do Chile e a ENEL, empresa global e uma das principais operadoras de fornecimento de energia, assinaram um acordo de colaboração em 2017; e, em 2018, a ENEL se comprometeu a colaborar conjuntamente para promover atividades de desenvolvimento de soluções de mobilidade elétrica. Além disso, a ENEL possui uma frota de Nissan LEAF. Em 2019, a Nissan do Chile, em colaboração com a Agência de Sustentabilidade Energética e a ENEL, participou do lançamento do primeiro sistema “Vehicle-to-Grid” na América Latina, instalação que permite que o veículo seja carregado de forma convencional e, além disso, extraia energia da bateria para ser utilizada pela fonte de consumo mais próxima
    A Nissan do Brasil assinou, em 2019, um memorando de entendimento firmado entre o Parque Tecnológico Itaipu e o Instituto de Tecnologia Aplicada e Inovação para acelerar o desenvolvimento de soluções de mobilidade elétrica, e trabalha em conjunto com essas duas instituições no desenvolvimento de carregadores bidirecionais para EVs. Além disso, no ano passado também, assinou convênio com a Universidade Estadual de Campinas para estudar o uso do bioetanol na mobilidade elétrica por meio do desenvolvimento do primeiro protótipo que utiliza células a combustível de óxido sólido com bioetanol
    A Nissan da Argentina e o Instituto Tecnológico de Buenos Aires concordaram, em 2019, em trabalhar na transferência de conhecimento e tecnologia aplicada para a promoção e desenvolvimento de veículos elétricos. Também contempla a realização de estudos que reforcem os benefícios da eletro mobilidade para o meio ambiente e a sociedade por meio da geração, armazenamento e uso de energia limpa
  10. CLIENTES SATISFEITOS: Como principais embaixadores da marca, os proprietários destacam, em primeira pessoa, a experiência de condução, os equipamentos, a autonomia, a tecnologia, o rendimento e o conforto do LEAF:

“Resolvi comprar um carro elétrico para poder usar na cidade. Um modelo que fosse econômico e compacto. Minha primeira experiência foi com o LEAF e tem sido excelente. Destaco o conforto, o manuseio e o excelente desempenho” – Marcelo Geraldi, Brasil

“Procurava um veículo menos poluente e barulhento. O LEAF, em comparação com outros carros elétricos, é muito mais equipado. A experiência tem sido boa e nunca tive problemas. Destaco seus equipamentos e o comportamento dinâmico. O Nissan LEAF tem um alcance maior em comparação com outros veículos, e isso foi importante na decisão de compra. Atende minhas necessidades” – Félix Hojas, Chile.

“É o meu primeiro carro elétrico. Fui motivado pela autonomia e pela tecnologia, pois certamente torna a condução e o estacionamento muito mais fáceis. Com este carro consigo a maior eficiência de consumo. O LEAF é um veículo muito bem equipado, é seguro, tem câmeras traseiras que ajudam muito no estacionamento. Tem tecnologia bastante avançada” – Luis Espínola, Chile.

Fonte: Imprensa da Nissan

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo