MotosNotícias

Honda recebe selo ouro no Programa Brasileiro GHG Protocol

A Honda conquistou duplamente o reconhecimento máximo no Programa Brasileiro GHG Protocol. Pela primeira vez, ambas as fábricas da marca no Brasil (motocicletas e automóveis) ganharam o Selo Ouro, sendo a primeira premiação da Moto Honda da Amazônia no programa e a quarta vez consecutiva da Honda Automóveis do Brasil. O reconhecimento foi concedido às empresas pela divulgação e verificação do inventário de emissão de CO2 nos três escopos avaliados: direta, indireta pela compra de energia e outras emissões indiretas.

Para Arthur Signorini, Gerente de Sustentabilidade da Honda South America, o Selo de Ouro do GHG Protocol mostra o compromisso da marca na busca de soluções que reduzam os impactos ambientais das suas atividades, além da contribuição para o futuro das próximas gerações. “Receber o Selo Ouro é um reconhecimento ao trabalho contínuo realizado pela Honda para o desenvolvimento de processos e tecnologias sustentáveis em nossas instalações e produtos.”

A Honda Automóveis do Brasil foi destaque no programa pela primeira vez em 2011. A empresa foi a primeira do setor automobilístico a divulgar o inventário de emissões de CO2 nos três escopos avaliados e a única representante deste mercado entre as 26 companhias que obtiveram o reconhecimento máximo. O GHG Protocol foi criado em 1998 pelo World Resources Institute (WRI) com o objetivo de servir como ferramenta para quantificar as emissões de gases geradores do efeito estufa. Hoje ele é a metodologia mais usada no mundo por empresas e governos na elaboração de inventários de emissões.

Sobre a Honda no Brasil – Presente no país desde 1971, quando começou a importar, e em seguida a produzir motocicletas em Manaus (AM), a Moto Honda da Amazônia Ltda. é atualmente a maior fabricante de motos do Brasil, com mais de 19 milhões de unidades produzidas.  Desde 2001, a empresa produz, também em Manaus, modelos de motores estacionários, além de comercializar geradores, motobombas, roçadeiras, cortadores de grama e motores de popa importados de outras unidades da marca no mundo.  Em 1992, com a criação da Honda Automóveis do Brasil Ltda., a empresa entrou no competitivo mercado automobilístico brasileiro também por meio de importações e, a partir de 1997, com a produção nacional de automóveis no município de Sumaré (SP). Em 2013, anunciou sua segunda planta de automóveis, em Itirapina, interior de São Paulo, com inauguração prevista para 2015. Em uma iniciativa inédita no segmento automotivo no país, a empresa iniciou, no mesmo ano, a construção do seu primeiro parque eólico na cidade de Xangri-lá, no Rio Grande do Sul. Para administrar as operações do parque, que irá suprir toda a demanda de energia elétrica da fábrica de Sumaré, foi criada a Honda Energy do Brasil. No país, também faz parte do grupo a Honda Serviços Financeiros, que reúne o Consórcio Nacional Honda, a corretora Seguros Honda, a Leasing Honda e o Banco Honda que, presentes na rede autorizada de todo o Brasil, facilitam o acesso dos clientes aos produtos da marca.

Fonte: S2Publicom

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo