CarrosNotícias

Ford lançará novos motores e transmissões no mercado Chinês

Foto: Divulgação

A Ford Motor Company acaba de anunciar novo plano para uma completa renovação da linha de motores e transmissões que equipam os carros da marca, comercializados no mercado chinês. Um total de 20 conjuntos de força e transmissão, inclusive o menor de toda a família Ford, o EcoBoost 1.0 são as novidades que  a empresa pretende lançar para equipar os novos modelos que a montadora apresentará ao mercado da região, até 2015.

A modernidade chegará com motores turbo alimentados, injeção direta de combustível, comando de válvulas variável e câmbio automático de seis velocidades. Além disso, a empresa pretende reduzir cerca de 20% o consumo de combustível e a emissão de dióxido de carbono em todos os 15 novos veículos que lançará na China, até 2015.

Para a Ford o Ecoboost fará a diferença

A Ford avalia que a partir de 2013, o motor Ecoboost deverá equipar 80% dos carros da marca comercializados em todo o mundo. Na China, ele não é novidade pois, desde o início de 2011, a versão 2.0 litros equipa o Mondeo. Empenhada em ser líder no quesito economia de combustível, em todos os segmentos, a Ford planeja produzir 1,5 milhão de motores EcoBoost por ano, em todo o mundo, até 2013.

Atualmente, são ofertados quatro modelos de EcoBoost: Versão 1.0 litro, de três cilindros, que equipa os modelos B-Max, Focus e C-Max, na Europa. O 1.6 litro, de quatro cilindros, também oferecido na Europa para o C-Max e Grand C-Max e para o Ford Escape 2013 que será vendido na América do Norte. O 2.0 litros, de quatro cilindros, equipará o Ford Explorer SUV, Crossover  Edge, Focus ST e Taurus nos Estados Unido e nos europeus C-Max, Grand C-Max, Mondeo, S-Max e Galaxy e para o Mondeo na China e, a versão 3.5 litros V-6, para a F-150, Taurus SHO, Flex, Lincoln MKS e Lincoln MKT vendidos na América do Norte.

Os investimentos continuam

A joint venture da Ford na China com a Changan Ford Mazda Automobile Co., deu início à construção de uma fábrica de motores com investimento de 500 milhões de dólares. Outros 350 milhões de dólares serão aplicados  para levantar uma nova fábrica de transmissões no país. As duas unidades industriais terão capacidade inicial de produção da ordem de 400.000 unidades/ano, cada uma.
Fonte:  Ford para todos

 

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo