Sem categoria

Confira mais detalhes sobre o superesportivo McLaren P1

Fotos: Divulgação

A McLaren divulgou mais informações sobre o desempenho do primeiro P1 e por isso, sabia que as comparações com o F1 seriam inevitáveis, pelo fato de o novo modelo ser ainda mais rápido para atingir os 300 km/h.

Porém, o P1 tem sua velocidade máxima limitada eletronicamente de 350 km/h, o que significa que não poderá ser mais rápido do que o F1. O P1 terá uma produção limitada a 375 unidades em todo o mundo e cada uma delas custará cerca de 1 milhão de euros (cerca de R$ 259.220).

Ele terá o sistema Instant Power Assist Systen (IPAS) ativado, e com isso, o P1 atingirá os 100 km/h em menos de três segundos, os 200 km/h em menos de sete segundos e os 300 km/h em menos de 17 segundos.  McLaren contatou potenciais compradores e descobriu que nenhum deles queria alterações no design e por isso, a versão de produção do P1 é muito semelhante ao do seu protótipo apresentado em setembro do ano passado em Paris.

A única alteração significativa feita no design foi à introdução das entradas de ar á frente das rodas dianteiras. Cada veículo deverá ser criado para cada cliente específico, e eles poderão escolher entre diversas cores e acabamentos, que incluem uma opção com um interior de fibra de carbono em bruto.

O P1 vai utilizar um motor V8 twin-turbo de 3.8 litros, com um motor elétrico integrado para a produção de um total de 903 cv e 900 Nm de binário. O veículo produzirá cerca de 200g/km de CO2,mas também vai poder ser conduzido no  modo emissão zero ao longo de 20 km, a uma velocidade  máxima de 50 km/h. O modelo rodará com os pneus Pirelli P Zero Corsa e os travões serão fornecidos pela Akebono,fornecedora da McLaren na F1 e são feitos de carbono-cerâmica.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo