CarrosNotícias

Coluna Mecânica Online n° 20 – Os melhores motores no Brasil

Fotos: Divulgação / Motor Audi P4 TFSI

Eficiência térmica, economia de combustível, torque elevado em baixas rotações, potência, tecnologias e outras características podem servir como referência na hora de definir um motor como vencedor

Quais as variáveis que a engenharia automotiva precisa combinar para encontrar a fórmula ideal na configuração de um motor eficiente? Será que apenas a relação potência específica, cv por litro, reconhecida pela maioria das pessoas como a principal medição da eficiência de um motor é o único caminho para sua avaliação?

Em todo o mundo diversos prêmios são direcionados para os motores. Um dos mais conhecidos é o Engine of The Year, que escolhe os melhores motores por meio de um júri com participantes de diversos países, inclusive do Brasil. Esse ano a Associação Brasileira da Imprensa Automotiva – ABIAUTO, também incluiu em sua premiação anual – Prêmio Imprensa Automotiva, a escolha dos melhores motores em quatro categorias.

A definição dos vencedores aconteceu por voto direto de 73 jurados especializados, que representam grande parcela da imprensa sobre automóveis no Brasil. A escolha dos melhores em cada categoria deve levar em consideração fatores como o consumo específico de combustível, o real peso do motor e sua dimensão física, para uma referida potência. A partir dessa análise é possível encontrar a medição correta de eficiência de um motor.

Claro que informações como a complexidade mecânica da construção / reparos, custos e prazos de manutenção, distribuição do torque em toda faixa de uso do motor e até mesmo seu centro de gravidade, podem ser considerados nessa análise.

Na primeira categoria a ser premiada, o propulsor 1.4 TFSI de 185 cv do compacto PremiumA1 Sport, da Audi, foi escolhido como o melhor entre 1.000 e 1.400 cm³. Através do sistema de superalimentação duplo, com um compressor Roots e um turbocompressor, o Audi A1 acelera de 0 a 100 km/h em apenas6,9segundos e tem velocidade máxima de 227 km/h. O torque máximo é 250 Nm, disponível entre 2.000 e 4.500 RPM.

A tecnologia Ecoboost utilizada pela Ford em seu propulsor 2.0 litros foi a grande vencedora na categoria entre os motores de 1.401 a 2.500 cm3.  O motor combinaturbo de última geração com injeção direta de combustível e duplo comando de válvulas variável. Gera 240 cv e torque de 340 Nm, com economia de combustível e menor emissão de CO2. A Ford também venceu com o motor 3.2 litros TC i5 Duratorque a categoria de melhor motor diesel entre 2.000 e 3.500 cm3.

Nos motores acima de 2.501 cm3 a grande vencedora foi a Volkswagen com sua motorização 4.2 litros V8, que produz 360 cavalos de potência e equipa o modelo Touareg, que alcança a velocidade máxima de 245 km/h. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 6,5 segundos – marca impressionante para um veículo de 2.075 kg.

Motor Ford Ranger

Mecânica Online News

•          O amortecedor é um dos principais componentes da suspensão, e da segurança automotiva, garantindo conforto e dirigibilidade ao veículo, por isso é fundamental a revisão periódica e a troca, quando a peça estiver desgastada ou conforme o manual de manutenção do veículo.

 

•          Das linhas de produção da Fiat Auto Poland saiu o milionésimo Fiat 500, o modelo ícone lançado em 2007, vendido em mais de 100 países ao redor do mundo – da Itália ao Brasil, da África do Sul ao Japão, dos Estados Unidos ao Oriente Médio – e produzido desde 2011 também na fábrica mexicana de Toluca.Um carro único.

•          Você compraria o mesmo veículo novamente? Esta é a pergunta simples e reveladora que o Centro de Pesquisa Nacional da revista Consumer Reports fez a seus assinantes na pesquisa de Satisfação de Proprietários – e a resposta dos proprietários do Chevrolet Volt foi um sonoro “sim”. Noventa e dois por cento dos entrevistados que têm um Volt disseram que definitivamente o comprariam novamente.

 

•          A Infiniti anunciou oficialmente, durante o Grande Prêmio de Fórmula 1 em Interlagos, o início das operações no Brasil a partir do segundo semestre de 2014.  Dois modelos já foram confirmados: o crossover esportivo FX e o versátil crossover de luxo JX, que acomoda até sete passageiros. O terceiro modelo a ser importado será um sedan esportivo de luxo quevai ser revelado para o mundo no dia 14 de janeiro, durante o Salão de Internacional de Detroit 2013, nos Estados Unidos.

 

•          A PSA Peugeot Citroën está completando 10 anos de produção de motores no Brasil. Há uma década foi inaugurada a Fábrica de Motores de Porto Real, unidade industrial que integra o Centro de Produção de Porto Real, no estado do Rio de Janeiro, e produz propulsores para veículos das marcas Citroën e Peugeot feitos na América Latina.

Tarcisio Dias – Profissional e Técnico em Mecânica, além de Engenheiro Mecatrônico e Radialista, é gerente de conteúdo do Portal Mecânica Online® (www.mecanicaonline.com.br) e desenvolve a Coleção AutoMecânica. – E-mail: [email protected]

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo