CarrosNotícias

Coluna Mecânica Online nº 04 — Por Tarcisio Dias

Foto: Divulgação

Manutenção preventiva – Seu carro indo mais longe

Veículos que trafegam maior parte do tempo em grandes centros urbanos em baixa velocidade apresentam maior desgaste em peças, como embreagem, freios e sistema de arrefecimento. Por isso, é preciso ficar atento a esses componentes e realizar a manutenção preventiva para evitar grandes custos com reparos ou até mesmo um acidente.

Quanto ao sistema de freios, a recomendação é fazer a verificação a cada cinco mil quilômetros. As peças devem ser inspecionadas pela oficina mecânica especializada de sua confiança, primeiramente de forma visual e a partir daí, se necessário, fazer a substituição de itens danificados, o que garante maior segurança e um menor custo de manutenção do sistema.

Além do desgaste natural, a embreagem é um dos elementos mais prejudicados no trânsito caótico das grandes cidades. A sua durabilidade, então, varia conforme a utilização do conjunto e condições de uso. Dessa forma, a manutenção se resume na troca dos componentes avariados quando necessário. Contudo, existem algumas dicas que podem ajudar na conservação do mecanismo:

– Evite dirigir com o pé apoiado no pedal de embreagem. Isso causa o desgaste prematuro do conjunto;

– As trocas bruscas das marchas não são recomendadas, pois danificam o disco, ocasionando barulho e até impossibilitando a troca de marchas;

– Não ande em altas velocidades com marchas baixas ou em baixas velocidades com marchas altas. Essa prática sobrecarrega o disco, podendo inutilizá-lo por completo, além de gerar níveis de consumo de combustível maiores do que se utilizada a marcha correta para cada velocidade do veículo.

Facilmente, encontramos pelas ruas veículos parados com problemas no sistema de arrefecimento. Isso ocorre porque muitos motoristas não se preocupam com a manutenção correta e se esquecem que a performance, a vida útil dos elementos internos e o consumo de combustível são afetados diretamente quando o motor opera fora da faixa de temperatura recomendada.

Para manter esse processo funcionando adequadamente, só água limpa, como muitos pensam, não é suficiente. Além disso, é necessária a adição de aditivos antioxidantes nas proporções corretas, para que seja formada uma espécie de película protetora na parte interna do tubo e nos componentes metálicos do motor, evitando a sua corrosão.

O uso de rotação e marchas corretas diminui a emissão de gases poluentes, o consumo de combustível e previnem o desgaste prematuro dos componentes do veículo.

 

Mecânica Online – News

A Scania lança a quarta edição da competição “Melhor Motorista de Caminhão do Brasil”, que tem por objetivos avaliar as habilidades dos condutores brasileiros, contribuir com a segurança nas estradas e valorizar o profissional, promovendo uma condução cada vez mais eficiente. Confira no site www.melhormotorista.com.br os locais das 12 etapas regionais, em 12 cidades brasileiras.

No mesmo evento de apresentação, a marca Sueca realizou uma etapa apenas para a imprensa brasileira, com os mesmos detalhes das provas regionais. O Mecânica Online® com Tarcisio Dias foi o grande vencedor do prêmio de “Melhor Motorista de Caminhão do Brasil 2012, categoria Imprensa”.

A GM está investindo mais de R$ 1 bilhão na construção do complexo industrial de Joinville, em Santa Catarina, que incluirá duas fábricas, de motores e cabeçotes e de transmissões. A fábrica de motores será inaugurada até o final de 2012 e incorporará um conjunto de sistemas pioneiros nas áreas de eficiência energética e proteção ao meio ambiente.

Como adiantado na coluna anterior, a fabricante de caminhões chinesa Shacman vai produzir caminhões em Pernambuco, com investimentos de R$ 1 bilhão. A expectativa é que sejam gerados mais de mil empregos diretos na operação da fábrica, que será a primeira do complexo industrial automotivo para fabricação de caminhões e ônibus, que será instalado em Caruaru. A Shacman resulta de parceria tecnológica entre a SAG e a MAN, do grupo Volkswagen e projeta produzir cinco modelos de caminhões que juntos somam 20 configurações.

 

Contatos do autor: Tarcisio Dias – Profissional e Técnico em Mecânica, além de Engenheiro Mecatrônico e Radialista, é gerente de conteúdo do Portal Mecânica Online® (www.mecanicaonline.com.br) e desenvolve a Coleção AutoMecânica. E-mail: [email protected]

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. Eu sempre coloquei no radiador dos carros daqui de casa só água, isso porque há muitos anos atrás vi uma matéria daquela tão famosa revista que fez um teste com esses aditivos de radiadores e disse que a maioria deles poderia em vez de proteger, acelerar o processo de corrosão das peças do sistema de arrefecimento.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo