MotosNotícias

Capacetes são todos iguais? Entenda as diferenças

Fotos: Divulgação

A resposta é não, os capacetes não são todos iguais. Não se trata apenas de preferência de estilos, design ou cores. A legislação brasileira diferenciou muito bem os capacetes, tanto que conduzir sua motocicleta usando um modelo inadequado, ou mesmo a utilização incorreta de capacetes permitidos é punida como infração gravíssima, multa, apreensão da moto e perda da carteira nacional de habilitação.

Entenda as diferenças entre os diferentes tipos de capacete e como eles são importantes para sua proteção. Não coloque sua segurança em risco e nem tenha problemas com a lei.

Capacete Coquinho

Por mais que ele seja querido entre os amantes das motos custom, sua utilização é proibida em todo território nacional (veja aqui a resolução 203 decretada pelo Detran), independentemente se sua utilização for feita em vias urbanas ou estradas (mesmo as rurais). Isso porque o capacete coquinho, além de não possuir viseira, não oferece nenhuma proteção abaixo da linha das orelhas – o que aumenta potencialmente o risco de vítimas fatais em caso de acidentes graves.

Capacete Peruzinho

Este é o modelo de capacete aberto permitido por lei, mas antes de utilizá-lo, saiba que, caso ele não possua viseira, a Resolução 203 do CONTRAN determinou a obrigatoriedade dos óculos de segurança em conjunto com o capacete:

§ 1º Entende-se por óculos de proteção, aquele que permite ao usuário a utilização simultânea de óculos corretivos ou de sol.

§ 2º Fica proibido o uso de óculos de sol, óculos corretivos ou de segurança do trabalho (EPI) de forma singular, em substituição aos óculos de proteção de que trata este artigo.

Capacete Fechado

O capacete fechado é considerado o modelo mais seguro, pois protege toda a cabeça do motociclista, distribuindo as forças de um impacto por uma superfície maior, evitando que os danos se concentrem de forma aguda em uma única região do crânio. Contudo, deve ser utilizado com a viseira constantemente abaixada, caso contrário o motociclista será punido por infração gravíssima.

Vale ressaltar que independente do modelo de capacete permitido, ele deve apresentar o selo de aprovação do INMETRO e ter a numeração exata para a correta adaptação na cabeça, ou ele não efetuará a proteção de forma correta. Além disso, os capacetes devem estar sempre em bom estado, sem rachaduras, e a sua viseira sempre livre de riscos e arranhões.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo