AvaliaçõesTestesVW

Avaliação – Volkswagen SpaceFox Sportline 1.6 i-motion 2011

Fotos: Marcus Lauria

A nova Spacefox 2011 foi apresentada em Curitiba (PR), no dia 21 de junho de 2010 e só agora o CarPoint News está avaliando o modelo por completo, na época, só foi possível experimentar por um curto percurso de test-drive da montadora. A Volkswagen cedeu um modelo completo para uma avaliação mais minusiosa, de nove dias, onde foram percorridos pouco mais de 220 quilômetros, com o tanque sempre abastecido com etanol. A nova Spacefox ficou mais moderna, com o visual compatível com o novo DNA da marca alemã, apresentado pela primeira vez no coupê esportivo Scirocco. Lançada em 2003, o modelo recebeu melhorias também na parte interna e novos equipamentos de série para todas as versões. A versão cedida pela Volkswagen foi a top de linha Sportline 1.6 i-motion.

A Spacefox ficou muito mais atraente e mais competitivo com seus principais rivais na versão 2011, o “face-lift” aplicado no modelo é o mesmo feito no Fox, onde a parte dianteira e a parte traseira seguiram a linha da marca, harmonizando o conjunto geral da carroceria. Por fora a Station Wagon chama muita atenção por onde passa, com ar de novidade, o modelo se destaca nas ruas. A “SportWagon”, como a própria Volkswagen insiste em chamar a Spacefox, tem como maior novidade as novas lanternas traseiras, que perderam o aspecto circular e ficaram mais retas e modernas, inspiradas no SUV Touareg e com uma certa semelhança com a sua principal concorrente, o Palio Weekend. Visto de frente destaca-se a grade dianteira com filetes cromados, além do novo para-choque, que recebeu elementos horizontais e defletores integrados. Os retrovisores externos ganharam sinalizadores de direção, agora de série em todas as versões. Assim como o banco do motorista com regulagem de altura e porta-objetos na parte inferior (são 17 ao todo), e detalhes cromados em algumas partes do interior. O quadro de instrumentos foi desenvolvido com display em LCD, com mostradores duplos, seguindo o padrão europeu da marca. O interior foi todo reformulado, deixou o ambiente interno mais agradável e aconchegante, e com um certo toque luxuoso, típico dos modelos mais caros da linha de veículos da marca. Achar a posição de dirigir é fácil, a versão testada, completinha, oferecia bancos com regulagem milimétrica, volante com regulagem de altura e profundidade e retrovisores elétricos, facilitando a vida à bordo.

1 2 3Próxima página
Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo