Avalia̤̣o РVolkswagen up! Connect 1.0 12v TSI E-Flex 2018

Postado em: 25, agosto 2017 por Marcelo Silva

Ao lançar a linha 2018 do up!, uma das preocupações da Volkswagen foi mostrar que o carro agora está mais “conectado”, ou seja, traz novidades que facilitam o uso de tecnologias a bordo do carro. Para esse fim, a versão Connect foi escolhida como porta-estandarte dessa nova fase do compacto. Esta versão nada mais é do que um opcional para a versão Move TSI, que por R$ 838 adiciona acabamento interno escurecido, adesivo na lateral, espelhos pintados em preto, rodas aro 15 e o rádio Composition Phone.

Esse pacote parece interessante no quesito preço, visto que apenas o rádio Composition Phone sozinho custa R$ 1.432 se for adicionado ao Move up! TSI, mas a desvantagem do pacote Connect é que ele requer que o carro tenha cor Azul, Prata ou Laranja, e estas cores adicionam R$ 1.394 ao preço final. Ou seja, não há almoço grátis.

O rádio Composition Phone trouxe um visual interessante para o painel do up! 2018, visto que ele se integra ao black piano do painel e traz uma telinha colorida que, embora não seja touch screen, possui suas funções facilmente acessadas através dos botões no próprio rádio. Com o rádio, vem também a função de dados na porta USB no topo do painel, permitindo que o rádio reproduza mídias do celular, bem como permite o uso do aplicativo Maps + More, que leva para a tela do celular funções do computador de bordo, além de permitir o uso de um GPS da própria VW, que possui mapas do mundo todo disponíveis para download, mas não atualiza o trânsito em tempo real como o Waze ou Google Maps.

Na prática faltou a adição de suporte a Android Auto e Apple CarPlay para deixar o up! conectado de fato, embora o novo rádio seja bem interessante em relação ao anterior. E já quanto às alterações visuais propostas pela linha Connect, elas dão um pouco mais de identidade ao carro, e combinam bem com as novidades da linha 2018.

Quanto ao espaço interno, não há mudanças em relação a qualquer outro up!, com espaço bom para motorista e passageiro, espaço razoável na traseira e um bom porta-malas de 280 litros. A posição de dirigir é boa, com regulagem em altura da coluna de direção e do banco, e a visibilidade é excelente. Na traseira há sensor de estacionamento com gráfico na tela do rádio, mas falta câmera de ré. Seu diâmetro de giro é de bons 9,8 m, mas a direção fica devendo em leveza quando comparada a outros compactos.

Debaixo do capô está o já conhecido motor 1.0 12V TSI, com três cilindros, injeção direta e turbo. Flexível, o motor rende 101/105 cv @ 5.000 rpm (G/E) de potência e 16,8 kgfm @ 1.500 rpm de torque com qualquer combustível. Seu câmbio é manual de 5 velocidades e possui relações longas, mas na prática sobra força para empurrar o compacto de 951 kg. No quesito desempenho, não há compacto que se compare ao up! TSI, mesmo que seu motor não ofereça os 20,4 kgfm de torque vistos no Golf e futuramente no Polo.

A linha 2018 não trouxe modificações à dinâmica do up!, que continua firme ao lidar com as imperfeições na cidade. Sua embreagem é ligeiramente pesada, mas os engates do câmbio são perfeitos, e a grande oferta de torque em baixa permite que marchas maiores sejam chamadas mais cedo, tornando a condução bem suave e econômica. E bota econômica nisso, pois em nosso trajeto urbano o up! Connect fez 14,1 km/l com gasolina, sempre com ar ligado e encarando engarrafamentos.

Na estrada o carro brilha, tanto em desempenho quanto em dinâmica e consumo. O carro não é afiado como um Gol, por exemplo, mas seu comportamento dinâmico é bom e permite realizar curvas sem sustos. No limite, o carro é dianteiro, e sua rolagem de carroceria não é exagerada, mas a VW vacilou feio em não oferecer ESP na linha 2018. Os freios a disco ventilado na dianteira e tambor na traseira são mais do que suficientes. Quanto ao consumo, fizemos impressionantes 22,4 km/l no ciclo rodoviário, com ar ligado e gasolina no tanque. Em um trecho mantendo média de 80 km/h e com ar desligado, o up! fez uma média constante de 27,3 km/l, um número impressionante.

No geral, o up! Connect se mostra um ótimo carro para quem busca um compacto discreto, rápido e fácil de usar, sendo uma ótima opção para quem não precisa usar tanto os bancos traseiros ou quem para quem busca um segundo carro mais econômico. O único problema é que a VW deixou o up! bastante salgado na linha 2018, e os R$ 56.232 cobrados pelo carro estão um pouco além do que ele deveria realmente custar, principalmente se observarmos que a linha 2018 removeu itens interessantes do Move up!, como a luz de neblina traseira e a tampa que divide o porta-malas, bem como não adicionou itens que tanto pedimos, como vidros elétricos traseiros, ESP e mais airbags, por exemplo.

Paginas: 1 2

Tag Cloud

Deixe um comentario

(*) Campos obrigatórios
ATENÇÃO: Todos os comentários postados nesse site, terão que ser aprovados pelo moderador e não irá aparecer automaticamente. Não serão permitidos comentários ofensivos contra a marca e os leitores, como palavrões. O texto tem que ser digitado em letras minúsculas respeitando as regras da nossa gramática. Comentários que não sejam sobre o assunto da matéria serão descartados. Ao postar um comentário, quer dizer que você concorda coma s regras acima. Obrigado.

© COPYRIGHT2017 CarPoint News - Todos os direitos reservados É proibida a reprodução de conteúdo deste site em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico, sem autorização por escrito