SDA 2018: Renault anuncia venda do Zoe ao consumidor final e alguns conceitos

Postado em: 8, novembro 2018 por Redacao

A mobilidade el√©trica, zero emiss√£o de poluentes no uso, √© o destaque da Renault no Sal√£o do Autom√≥vel de S√£o Paulo. Pioneira e l√≠der na venda de ve√≠culos el√©tricos na Europa, a marca agora come√ßa a vender o Zoe ao p√ļblico final a partir de 6 de novembro.  At√© ent√£o, o ve√≠culo era comercializado no Brasil somente para empresas em projetos envolvendo a mobilidade zero emiss√£o. O cliente que se interessar pode fazer a reserva no site eletricos.renault.com.br, no estande da marca no Sal√£o do Autom√≥vel ou nas concession√°rias Sinal, em S√£o Paulo, e Globo, em Curitiba. 

Dois grandes sucessos da Renault no Brasil tamb√©m t√™m novidades. O Kwid, o SUV dos compactos, ganha uma nova vers√£o: a Outsider, que ser√° vendida no primeiro semestre de 2019, traz diferenciais est√©ticos como barra de teto, skis (frontal e traseiro), faixa lateral, moldura do farol de neblina e adesivo ‚ÄúOutsider‚ÄĚ, entre outros itens.

Já o Captur Bose se caracteriza pela exclusividade de uma série limitada. Com sete alto-falantes e um amplificador da consagrada empresa de áudio automotivo, o SUV enriquecerá ainda mais a experiência a bordo. Também começará a ser vendido no primeiro semestre do próximo ano.

Quem visitar o estande da Renault ainda pode conferir a área de esportividade com a série especial do Sandero R.S. Formula One Team, pintada na exclusiva cor amarela Sirius e feita para a promoção Speed Drive, que vai sortear duas unidades do esportivo. Os visitantes podem não apenas conhecer de perto o R.S. 18, o carro da equipe Renault na Fórmula 1, como também têm a oportunidade de viver a experiência de realizar virtualmente uma troca de pneus.

O sal√£o do autom√≥vel √© o local ideal para a primeira apari√ß√£o da picape Alaskan para o p√ļblico brasileiro. O modelo, com capacidade de carga de 1 tonelada, ainda n√£o tem data para chegar ao pa√≠s. Al√©m disso, o estande da marca conta com o in√©dito Studio Renault Instagram, um espa√ßo exclusivo que servir√° de plataforma de cria√ß√£o de conte√ļdos da Renault em colabora√ß√£o com o Instagram.

O Instituto Renault tamb√©m est√° presente com uma √°rea dedicada √† educa√ß√£o para seguran√ßa no tr√Ęnsito para crian√ßas com o programa ‚ÄúO Tr√Ęnsito e Eu‚ÄĚ. Na butique presente no estande, al√©m dos produtos da grife Renault, tamb√©m s√£o comercializados produtos da Associa√ß√£o Borda Viva e Unhileu, entidades que realizam projetos sociais apoiadas pelo Instituto Renault.

A Renault também está presente na área de New Mobility do Salão do Automóvel, com estande e test-drive de dois Zoe e dois Twizy. E o visitante ainda pode testar Kwid, Sandero, Duster e Captur em outra área de test-drive, onde também poderá comprar qualquer veículo da marca.

ZOE

O compacto Zoe, o elétrico mais vendido da Europa, começa a ser vendido no dia 6 de novembro no Brasil pelo site www.eletricos.renault.com.br. O modelo chega na versão Intense, com preço sugerido de R$ 149.990. Duas concessionárias, a Sinal, em São Paulo, e a Globo, em Curitiba, terão carros para test-drive logo após o Salão do Automóvel e venderão o Zoe.

O Zoe possui autonomia superior a 300 quil√īmetros (ciclo WLTP), gra√ßas √† bateria Z.E. 40. Plugado em uma corrente trif√°sica de 22 kW, o ve√≠culo leva apenas 1h40 para chegar 80% de sua carga total.

A bateria Z.E. 40 foi desenvolvida com base em uma importante inovação: o aumento da densidade energética por meio do aumento da capacidade de armazenagem da bateria, mantendo o tamanho, solução mais avançada para também para respeitar a limitação em relação ao aumento de peso.

O Zoe possui um motor de alta efici√™ncia energ√©tica e uma gest√£o eletr√īnica otimizada da bateria, limitando o consumo el√©trico do ve√≠culo na utiliza√ß√£o, ao mesmo tempo em que mant√©m a pot√™ncia. Lan√ßado no in√≠cio de 2015, o R90 √© um motor 100% Renault.

Desde o lançamento, o Zoe é o carro-chefe da tecnologia Renault Z.E., representando a excelência elétrica do Grupo. Entre os destaques desta tecnologia estão a frenagem regenerativa e a bomba de calor, que maximizam a autonomia.

Todos os ve√≠culos el√©tricos de s√©rie do Grupo Renault s√£o projetados e concebidos pelos designers e engenheiros do Technocentre Renault, localizado em Guyancourt (regi√£o de Paris), sendo produzidos nas f√°bricas do Grupo. Esta expertise el√©trica √© concentrada principalmente na Fran√ßa, onde √© realizada a concep√ß√£o e produ√ß√£o com alto valor agregado. A Renault √© respons√°vel pela concep√ß√£o e produ√ß√£o do Zoe e da maioria dos seus sistemas mec√Ęnicos.

    O Zoe √© o primeiro carro concebido na Europa exclusivamente para a tecnologia 100% el√©trica.

    O Zoe √© produzido na f√°brica Renault de Flins (regi√£o de Paris).

    O motor R90 do ZOE foi totalmente concebido pela Renault, resultando no dep√≥sito de 95 patentes. Uma das maiores inova√ß√Ķes deste desenvolvimento consiste na miniaturiza√ß√£o do Power Electronic Controller (Controlador Eletr√īnico de Pot√™ncia), para integrar o m√≥dulo de interconex√£o, a eletr√īnica de pot√™ncia e o carregador Cam√©l√©on, com um volume 25% menor em rela√ß√£o ao motor anterior.

    O motor R90 √© produzido na f√°brica da Renault de Cl√©on (regi√£o da Normandia), onde o Grupo concentra a produ√ß√£o de motores e caixas de c√Ęmbio de alto valor agregado (motores Energy, motores Renault Sport, etc.).

    J√° o c√°rter que permite integrar a bateria no carro e os eixos dianteiro e traseiro do Zoe fazem parte dos sistemas mec√Ęnicos 100% Renault. Concebidos pela Engenharia de Chassis e Ve√≠culos El√©tricos do Grupo Renault, eles s√£o produzidos na f√°brica da Renault de Le Mans (regi√£o de Sarthe).

Dirigir um ve√≠culo el√©trico Renault √© incrivelmente surpreendente, pois as acelera√ß√Ķes e retomadas s√£o vigorosas mesmo em rota√ß√Ķes mais baixas, sem qualquer ru√≠do do motor ou vibra√ß√Ķes.

O Zoe é um veículo ágil, fácil de manobrar e agradável ao dirigir, graças a um chassi adaptado às especificidades elétricas e ao trabalho realizado no ajuste da direção, pneus e amortecedores.

    Em uma fra√ß√£o de segundo, o motor el√©trico R90 entrega um torque m√°ximo de 22,9 kgfm, permitindo acelera√ß√Ķes e retomadas √°geis mesmo em baixa rota√ß√£o. A acelera√ß√£o vai de 0 a 50 km/h ‚Äď faixa mais frequente em uso urbano ‚Äď em 4 segundos.

    A acelera√ß√£o √© fluida, perfeitamente linear e sem solavancos. Do ponto de vista do condutor, √© como se ele tivesse o melhor c√Ęmbio autom√°tico do mercado.

    Paralelamente, a natureza el√©trica do Zoe proporciona uma condu√ß√£o mais tranquila principalmente gra√ßas √† aus√™ncia de ru√≠do do motor e vibra√ß√Ķes.

    O som medido na cabine do Zoe entre 40 e 75 km/h √© de 60 a 65 dB, o que √© 2 a 3 vezes menor se comparado a um ve√≠culo t√©rmico de pot√™ncia equivalente.

A Renault já vendeu mais de 150 veículos 100% elétricos no Brasil para empresas como a Itaipu, Fedex, Transportadora Patrus e Natura, entre outras.

  

SYMBIOZ

Para a Renault, a mobilidade do futuro √© aut√īnoma, conectada e el√©trica. O conceito Symbioz √© a representa√ß√£o m√°xima dessa vis√£o, que joga luz na sociedade de 2030, que demandar√° mais integra√ß√£o no seu ecossistema. Por isso, o conceito vislumbra como seria o carro enquanto extens√£o do lar, explorando a simbiose entre a pessoa e sua vida como um todo.

Com 4,70 metros de comprimento (para uma largura de 1,98 metro e altura de 1,35 metro), o conceito Renault Symbioz √© um sed√£ monovolume futurista, cujas dimens√Ķes externas correspondem a um ve√≠culo do segmento D. Entretanto, o amplo espa√ßo interno modul√°vel √© equivalente ao de um ve√≠culo do segmento E.

Com uma forma que corresponde à arquitetura de uma casa sem desnaturar a linha do veículo, esta parte superior otimiza a luminosidade a bordo da cabine. Tudo isso para viajar em um espírito de luminosidade desta grande sala de estar, com amplas superfícies envidraçadas.

O desenho da parte inferior √© totalmente alinhado com o DNA do estilo ‚ÄúFrench Design‚ÄĚ da Renault: atraente e acolhedor, com linhas fluidas e din√Ęmicas.

A carroceria em fibra de carbono exibe uma pintura em dois tons de cobre. O tratamento fosco na frente remete √† autenticidade e √† serenidade. O tratamento mais acetinado e brilhante na traseira sugere a eleg√Ęncia e o refinamento.

Tanto na frente quanto na traseira encontra-se a assinatura luminosa dos faróis em formato de C (C-Shape). Maior, mais alongada e estilizada, ela faz um link entre a identidade deste conceito e a gama de veículos Renault atual.

    Os far√≥is traseiros apresentam efeitos visuais din√Ęmicos, gra√ßas a pequenas aletas luminosas que se abrem em fun√ß√£o da intensidade da frenagem.

    A terceira luz de freio √© integrada ao defletor aerodin√Ęmico localizado no prolongamento do teto. Seus efeitos gr√°ficos verticais tamb√©m s√£o encontrados sob o para-choque, no farol de neblina traseiro.

    O design das rodas do Symbioz remete √† aerodin√Ęmica e √† leveza dos raios das rodas das bicicletas. Elas s√£o revestidas com pneus Michelin slimline de banda estreita, que foram especialmente desenvolvidos pelo fabricante franc√™s para maximizar a efici√™ncia energ√©tica do ve√≠culo.

    O logo Renault que aparece na frente, na traseira e nas laterais do ve√≠culo √© iluminado no modo aut√īnomo.

    Os defletores traseiros da carroceria parecem torres de controle, integrando sensores e c√Ęmeras utilizados pelo sistema de condu√ß√£o aut√īnoma.

O conceito Renault Symbioz foi pensado como uma autêntica extensão da casa quando em rodagem. Como se fosse uma flor abrindo suas pétalas, o Symbioz abre suas portas por meio de uma dupla ação cinemática: na parte inferior elas se abrem para trás e, na parte superior envidraçada, elas se movem como se fossem as asas de uma borboleta. Este sistema exclusivo de abertura é possível graças à ausência da coluna central, fazendo com que o ato de se acomodar a bordo se assemelhe a entrar em sua própria casa. Não é preciso se contorcer e nem segurar em uma coluna, pois basta passar pela soleira para poder se acomodar no sofá que gira automaticamente para fora, facilitando o ato de entrar no veículo.

O design interno do Symbioz foi pensado e otimizado para o bem-estar dos passageiros, para permitir que eles aproveitem mais os momentos em que a condu√ß√£o √© delegada a um dos modos do sistema aut√īnomo. Durante o trajeto, tudo fica mais f√°cil e mais agrad√°vel.

    A tela de Ultra Alta Defini√ß√£o OLED (diodo emissor de luz org√Ęnico), localizada √† frente do condutor, re√ļne em toda a extens√£o as informa√ß√Ķes do painel de instrumentos e do sistema multim√≠dia.

    Durante a passagem para o modo aut√īnomo, a coluna de dire√ß√£o e o volante se escamoteiam, enquanto os pedais e o painel de instrumentos recuam automaticamente em aproximadamente 15 cm. J√° os bancos se transformam em aut√™nticas poltronas.

    Uma pequena tela de notifica√ß√Ķes aparece no campo de vis√£o, acima do volante ‚Äď quando este est√° no modo retr√°til, ela fica √† vista do condutor. Esta tela exibe os principais marcadores do painel de instrumentos.

    Esta transforma√ß√£o √© mais completa quando o condutor n√£o est√° sozinho a bordo. Junto com o passageiro dianteiro, eles se viram de frente para os outros passageiros localizados na traseira, gra√ßas aos bancos pivotantes em 180¬į, cujos descansos para os bra√ßos desaparecem para facilitar a manobra.

    Ao mesmo tempo, surge entre os bancos uma pequena mesa com estrutura met√°lica e tampo em m√°rmore, facilitando a conversa entre os passageiros e  permitindo compartilhar as atividades como se fosse uma sala de estar.

    Pequenas telas ‚Äútouchscreen‚ÄĚ que remetem a rel√≥gios de pulso est√£o integradas a cada cinto de seguran√ßa. Elas permitem que os passageiros tenham os diferentes controles do carro (ar-condicionado, m√ļsica, etc.) ao alcance da m√£o, mesmo quando os bancos est√£o virados. Para o condutor, estes dispositivos incluem o controle da condu√ß√£o para, por exemplo, preparar a desativa√ß√£o do modo aut√īnomo.

Equipado com uma motorização Z.E. 100% elétrica, o conceito Renault Symbioz se insere totalmente na estratégia e na expertise da marca em torno da assinatura Zero Emissão.

    Os dois motores el√©tricos com √≠m√£s permanentes ‚Äď que oferecem uma rela√ß√£o pot√™ncia/massa e torque/massa elevada ‚Äď do Symbioz est√° localizada no eixo traseiro, sendo cada um associado a uma roda. Esta configura√ß√£o permite uma distribui√ß√£o diferente do torque sobre cada roda para melhorar a agilidade do ve√≠culo e a ader√™ncia ao solo nas curvas.

    Este sistema de tra√ß√£o traseira oferece tamb√©m uma melhor transmiss√£o da pot√™ncia ao solo, para um prazer de condu√ß√£o ainda maior.

    Em termos de performance, o Symbioz apresenta uma pot√™ncia de 500 kW e um torque m√°ximo de 67,34 kgfm em pico. Ele passa de 0 a 100 km/h em menos de 6 segundos. A autonomia fornecida pelas baterias de 72 kWh √© superior a 500 km em uso real em autoestradas. A recarga de 80% da capacidade √© feita em apenas 20 minutos.

KWID OUTSIDER

Com in√≠cio de vendas previsto para o primeiro semestre de 2019, o Kwid tamb√©m ser√° oferecido na vers√£o Outsider, ampliando a gama do SUV dos compactos. A nova vers√£o se diferencia por itens est√©ticos, como barras de teto, faixas laterais, skis (frontal e traseiro), molduras dos far√≥is de neblina e adesivo ‚ÄúOutsider‚ÄĚ, entre outros itens.

No interior, a vers√£o Outsider traz um novo tecido para os bancos, com detalhes em laranja ‚Äď cor que se repete na manopla do c√Ęmbio, nos aeradores, na moldura do sistema multim√≠dia Media Nav e nas portas.

Líder do segmento de entrada, o Kwid passa das 50 mil unidades emplacadas no ano. Além de atributos como segurança, economia e espaço interno, o jeito inovador de vender carro também alçou o Kwid à posição de destaque nos emplacamentos. Uma inovação nesse sentido foi o lançamento do K-Commerce, a mais completa plataforma on-line para a compra de um veículo, que está no ar desde janeiro. Mais de 13 mil Kwid já foram vendidos por meio do K-Commerce.

O processo √© simples: basta se cadastrar no site loja.renault.com.br e configurar o carro (vers√£o e pintura). Da√≠ √© s√≥ escolher a forma de pagamento e a concession√°ria para retirada do ve√≠culo. Durante o processo, o cliente visualiza informa√ß√Ķes como valor de entrada e das presta√ß√Ķes e previs√£o de entrega. O cliente pode, inclusive, submeter seu usado a avalia√ß√£o.

  

CAPTUR BOSE

Com sete alto-falantes e um amplificador da consagrada empresa de √°udio automotivo, o Captur enriquecer√° ainda mais a experi√™ncia a bordo com a s√©rie limitada Bose, que ser√° lan√ßada no primeiro semestre de 2019. Para se diferenciar externamente das outras vers√Ķes, o Captur Bose ter√° o logotipo da marca estampado na carroceria, al√©m de estrear a exclusiva cor prata no teto das vers√Ķes com pintura biton.

No interior, os alto-falantes dianteiros também terão o emblema da Bose. O ambiente requintado ficará por conta dos novos bancos em couro com acabamentos em cinza, combinando com os contornos das saídas de ventilação lateral, e o teto forrado na cor preta.

Com design √† primeira vista, o Captur √© composto pelas vers√Ķes Zen e Intense, que entregam versatilidade ao cliente com motores 1.6 (118/120 cv) e 2.0 (143/148 cv) e com os c√Ęmbios manual, CVT e autom√°tico.

SANDERO R.S.

Desde 1976 a Renault Sport apimenta os modelos da marca. No curr√≠culo est√£o in√ļmeros carros de corrida e at√© uma minivan de absurdos 820 cv, a Espace F1. H√° tr√™s anos, foi a vez de 75 engenheiros trabalharem no Sandero R.S., o primeiro modelo da divis√£o esportiva produzido no Brasil.

Para transformar o Sandero em um aut√™ntico esportivo, a divis√£o R.S. mexeu na alma do carro. A lista de mudan√ßas vai al√©m dos adesivos espalhados pela carroceria. A suspens√£o foi rebaixada em 2,6 cm, as molas ficaram mais r√≠gidas, o escapamento ganhou sa√≠da dupla, os discos de freio (nas quatro rodas) ficaram maiores e o sistema de dire√ß√£o foi recalibrado. Acoplado a um c√Ęmbio de seis marchas, o motor 2.0 16V recebeu algumas mudan√ßas para alcan√ßar respeit√°veis 150 cv. O resultado √© um carro instigante numa pista e pr√°tico no uso urbano.

A série especial Sandero R.S. Formula One Team, pintada na exclusiva cor amarela Sirius, foi feita especialmente para ser sorteada na promoção Speed Drive Renault. O cliente pode concorrer fazendo um test-drive da marca, comprando um veículo Renault ou realizando um serviço de pós-venda. A promoção é válida também para os tests-drive feitos no Salão do Automóvel, tantos dos carros elétricos como dos outros veículos da gama.

Tag Cloud

Deixe um comentario

(*) Campos obrigatórios
ATENÇÃO: Todos os comentários postados nesse site, terão que ser aprovados pelo moderador e não irá aparecer automaticamente. Não serão permitidos comentários ofensivos contra a marca e os leitores, como palavrões. O texto tem que ser digitado em letras minúsculas respeitando as regras da nossa gramática. Comentários que não sejam sobre o assunto da matéria serão descartados. Ao postar um comentário, quer dizer que você concorda coma s regras acima. Obrigado.

© COPYRIGHT2018 CarPoint News - Todos os direitos reservados É proibida a reprodução de conteúdo deste site em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico, sem autorização por escrito