Coluna “De carro por a√≠” por Roberto Nasser

Postado em: 11, outubro 2018 por Roberto Nasser

Os Mercedes C 2019 e o EQ Boost

Mercedes renovou a 5a gera√ß√£o de seu sed√£ Classe C. Sucesso de vendas, j√° marcou globalmente a entrega de 1,9M de unidades. No Brasil lidera as vendas de seu segmento ‚Äď contra BMW serie 3 e Audi A4 sed√£ -; crava 51% das prefer√™ncias. Mudan√ßas finas, identific√°veis pela nova frente, far√≥is em LEDs, e grades para indicar vers√Ķes. Traseira mudou as lanternas em formato, ado√ß√£o de LEDs, e charme de desenho em forma de C.                                           

Mant√©m a linha de a√ß√£o adotada h√° quatro anos, com a chegada da atual 5a gera√ß√£o, sinergia com a Classe S, a superior, de quem aproveita alguns adjut√≥rios tecnol√≥gicos. No caso o equipamento digital para a instrumenta√ß√£o, o radar frontal para identificar o movimento do carro que segue a frente num preparativo de frenagem aut√īnoma caso o motorista n√£o tome provid√™ncias.                         

Dentro um brincar com materiais de decora√ß√£o, entre cores e tipos para caracterizar modelos e vers√Ķes. Cores no couro, madeira com poros largos, ajudam a identific√°-los. E telas para fun√ß√Ķes diversas.            

Na modelia mant√©m os C 180 ‚Äď motor 1,6 litro – Sport e Exclusive como entrada, evoluindo para C250 e o topo, com C 300 ‚Äď motores 2,0. Diferencial na nova linha √© a vers√£o EQ Boost. Nome complicado pois induz associ√°-lo aos motores Ford turbo, palavra substitu√≠da por boost. Neg√≥cio confunde at√© funcion√°rios da Mercedes, sem saber como o booster pode auxiliar na combust√£o, como o faz o turbo acionado pelos gases de escapamento. O neg√≥cio n√£o funciona assim, mas por um alternador/motor. Na primeira fun√ß√£o prov√™ energia. Na segunda, alimentado pela energia cin√©tica, com bateria adicional de 48 volts, se transforma num motor el√©trico forte, produzindo 14 cv e 16,3 mkgf de torque. Por correia ligada ao virabrequim aplica for√ßa para se somar √† produzida pelo motor. √Č outro pioneirismo, engenho 1,5 litro, 183 cv e 27,6 mkgf de torque. Substituir√° os 1,6 de pol√™micos problemas. Com o sistema o autom√≥vel arranca forte, menos, por√©m, ante o projetado pela soma de pot√™ncia e torque do conjunto motor endot√©rmico + motor el√©trico. Anda mais e gasta menos.                                        

   Quanto

Vers√£o            R$
C 180 Avantgarde          188 mil
C 180 Exclusive 189 mil
C 200 EQ Boost          229 mil
C300 Sport          260 mil

 

Mercedes explica o inusual salto em pre√ßos ‚Äď usualmente, na atualiza√ß√£o da s√©rie, pre√ßos s√£o mantidos sem corre√ß√£o -, argumentando fazer administra√ß√£o cuidadosa nos custos em vari√°veis Euros, para manter estoque vend√°vel. Autom√≥veis s√£o montados em Iracem√°polis, SP, e ser√£o vendidos ap√≥s o Sal√£o do Autom√≥vel, em novembro. Quest√£o paralela, aguarda-se a aprova√ß√£o da legisla√ß√£o regulamentadora do setor, o Rota 2030, atualmente em curso na minguante legislatura.

Diretor de concessionária comentou o salto desnecessário de preços ante as pequenas mudanças, e argumenta poderia vender mais se os preços fossem menores.

O Vietnam e o carro para chamar de seu

Vietnamitas poder√£o comprar, a partir de setembro do pr√≥ximo ano, os modelos sed√£ Lux A2.0 e o suv Lux SA2.0, atrevidamente mostrados no Mundial do Autom√≥vel, o Sal√£o de Paris. Lux significa Luxury, Luxo, indicando um dos diferenciais do produto. A indica ser a primeira s√©rie de modelos ‚Äď como ali√°s o fez a Ford ao surgir em 1903. S√£o da pioneira marca nacional VinFast. A sonoridade pode induzir imaginar seja um destes auxiliares digestivos t√£o em moda recentemente, um laxante √† base de vinho, mas referencia o prefixo do maior conglomerado industrial do pa√≠s, o VinGroup. Neg√≥cio s√©rio, para driblar a aus√™ncia de c√©rebros nacionais, contratou parceiros para desenvolver projeto de f√°brica, constru√ß√£o, motor, mec√Ęnica e linhas. Idem para geri-la, com executivos europeus treinados na mat√©ria. Seus parceiros s√£o Bosch, BMW, Magna Steyr e Pininfarina, numa pretens√£o t√©cnica e mercadol√≥gica de mostrar-se entrosada mundialmente. Magna Steyr, marca austr√≠aca, constr√≥i desde Cherokees a Mercedes G Class, fornecer√° a plataforma com um mix de materiais, agregando suspens√Ķes independentes nas 4 rodas, dire√ß√£o e freios. Motor rec√©m projetado, L4, 2,0, a gasolina, turbo, duas vers√Ķes: 180 cv no sed√£ e 235 cv no suv.

Slogan vai no caminho global: Identidade vietnamita; design italiano; tecnologia alem√£, padr√£o internacional. Quer entrar em outros mercados com produtos em amplo leque, de vari√°veis da linha, a √īnibus, caminh√Ķes e autom√≥veis el√©tricos. Este, em projeto de produto e constru√ß√£o, contratado com a GM. Design por Giugiaro.

————————————————————————————————–

IKEA, dos m√≥veis, quer fazer vag√Ķes aut√īnomos….

Conhecida mundialmente pela popularizar m√≥veis e objetos com desenho escandinavo, a Ikea interpretou a liberdade para projetar ve√≠culos a partir do novo conceito de autonomia veicular. Sem necessidade de volante, comandos, bancos especiais, a Ikea releu o espa√ßo interno como um lounge, olhar pr√°tico do fabricante de m√≥veis e sof√°s.

A vis√£o abre oportunidade de neg√≥cios para cria√ß√Ķes sobre chassis de marcas especializadas em ve√≠culos, como a Volvo, tamb√©m sueca, e das mais avan√ßadas no setor. A Ikea pensou inicialmente em sete conceitos virtuais, ante consci√™ncia do momento: O potencial real dos carros aut√īnomos n√£o est√° em nossa capacidade de dirigir sem ter as m√£os no volante, mas no que poderemos fazer ou experimentar dentro dos aut√īnomos, disse em comunicado. V√£o desde Caf√© para integrar a vizinhan√ßa, a Fazenda, para venda de hortifr√ļti de pequenos produtores. Outro, uma sala de jogos enquanto o pequeno vag√£o aut√īnomo viaja circuitos urbanos, Sorveteria, Consult√≥rio M√©dico indo aos clientes.

Curioso ‚Äď e n√£o parece distante. H√° um aplicativo, o Space10 permitindo usu√°rios de iPhone ou Apple experimentar os sete conceitos, mas o ponto de vista est√° em franca mudan√ßa. O autom√≥vel perde o charme, o status, a emo√ß√£o. √Č o que faz andar um sof√° …

VW T-Cross em outubro

Volkswagen ajustou data para apresentar seu mais novo modelo, o aguardado T-Cross: 25 de outubro, afinada com China e Alemanha, onde o ‚Äď hatch, SUV, SAV, crossover, pouco se d√° o rigor ou o laceamento da classifica√ß√£o ‚Äď ser√° produzido.

Basicamente o mesmo produto, entretanto adequado √†s peculiaridades dos clientes. A vers√£o brasileira, por exemplo, ter√° acertos exclusivos por conta de seu p√ļblico, mulheres de boa renda, viajadas, conhecedoras de confortos automobil√≠sticos e preocupadas com itens capazes de garantir sua seguran√ßa e a impress√£o de. Na pr√°tica p√ļblico diverso de chineses e europeus, com uso mais restrito do ve√≠culo e em menor degrau na escala social de renda.

Vers√£o brasileira tem maior dist√Ęncia entre eixos ‚Äď para assegurar mais conforto aos passageiros do banco traseiro -; teto solar panor√Ęmico; Park Assist de 3¬™ gera√ß√£o ‚Äď estaciona de frente, r√©, e longitudinalmente -; maior porta malas; maior altura relativamente ao piso. Primeiro por necessidade em viagens rodovi√°rias e na aplica√ß√£o dita cidade/praia/campo, e por conta das imperfei√ß√Ķes de piso e demanda, maior dist√Ęncia livre do solo.

Na parte de segurança, 6 bolsas de ar, conjugação dos sistemas de ABS nos freios, do ESC, corretor de segurança para derrapagens, e auxiliar para aumentar pressão no sistema e eficiência nos freios.

O T-Cross pretende ser uma das atra√ß√Ķes do Sal√£o do Autom√≥vel, em novembro. Vendas? Coluna aposta em mar√ßo.

—————————————————————————————————

Peugeot, ter√° sim, picape e suv

Informa√ß√Ķes n√£o confirmadas; especula√ß√Ķes; palavras impressas e ao vento; volta e meia tal teoria renasce, – at√© a Coluna dedicou-se ao tema com as informa√ß√Ķes acessadas -, entretanto sem ter confirma√ß√£o pela Peugeot ou sua holding, a PSA. Por√©m fez-se a luz no Mundial do Autom√≥vel, o Sal√£o de Paris, quando Jean-Philippe Imparato, CEO mundial da marca, confirmou projeto e andamento a jornalistas argentinos, como relatou o bom s√≠tio Autoblog.ar. O executivo franc√™s n√£o definiu o local de produ√ß√£o ‚Äď Argentina ou Brasil -, nem a base a ser utilizada. N√£o ser√° a novidadosa CMP para a pr√≥xima gera√ß√£o de produtos mercosulinos do segmento compacto, mas n√£o informou ser algo prim√°rio como um chassi de longarinas em formato de escada. Disse existir o desenvolvimento de um picape para ter amplitude global, e afastou a possibilidade de ser ve√≠culo com a leitura do Hoggar, picape pequeno, sobre o Peugeot 206, de fugaz ‚Äď breve ‚Äď presen√ßa, e olvidada ‚Äď esquecida – lembran√ßa. Apesar de n√£o definir prazos, fez considera√ß√Ķes interessantes: o picape estar√° baseado em qualidade, durabilidade, desenho e torque do motor, e ao lan√ßamento apresentar√° n√≠vel de qualidade impec√°vel. N√£o resistiu √† tenta√ß√£o de garantir o futuro: Ser√° um √™xito.

Situou-o como tendo um desenho ao gosto dos sul americanos. E antecipou desdobramento: mesma plataforma comportar√° um SUV ‚Äď como a Toyota faz com o picape Hilux e o suv SW4. Em porte, um concorrente para Chevrolet S10, Toyota HiLux, Mitsubishi Triton, VW Amarok, novos Nissan Frontier, Renault Alaskan e Mercedes Classe X ‚Äď mercado se pergunta se Ford Ranger sobreviver√° √† razia ‚Äď limpa – feita pela marca em seus produtos.

Ps.: Nada a ver com o tosco e r√ļstico picape Dongfeng, produzido por sua associada do mesmo nome na China.

—————————————————————————————————

Roda-a-Roda

Pressa ‚Äď Carro ainda n√£o come√ßou a ser produzido e, obviamente, vendido. Por√©m √°rdegos ‚Äď apressados, incontidos -, concession√°rios Mercedes na Argentina j√° aceitam encomendas ‚Ķ

Como ‚Äď Quatro vers√Ķes de conte√ļdo, tr√™s motores: dois Nissan L4, 2,3 com um e dois turbos, 153 e 190 cv, e V6 Mercedes, 258 cv. Pre√ßo da segunda vers√£o, primeira com rodas leves, motor 250 e 190 cv equivale ao mesmo carro vendido como Nissan Frontier, em vers√£o superior. Parece, regra √©: mais vale uma estrela pelada que um japon√™s enfeitado‚Ķ

Aqui ‚Äď Mercedes informou √† rede concession√°ria, Classe X apenas em junho. N√£o aceitam pr√©-inscri√ß√£o ou reserva, mas j√° h√° grupo de cons√≥rcio. Nele, pre√ßo estimado R$ 200 mil. Condi√ß√£o especial, prioridade na entrega.

Promessa ‚Äď Em novembro de 2017 GM anunciou investir US$ 500M na Argentina para fazer nova fam√≠lia de produtos, conhecida sob a abreviatura AVA ‚Äď alto valor agregado. Na pr√°tica, acima do Cruze, l√° feito.

Presidente Macri anunciou vagamente eliminar impostos distorcivos ‚Äď n√£o os individualizou ou quantificou.

Prensa ‚Äď  Agora GM partiu para a objetividade: reuniu a imprensa e divulgou correspond√™ncia enviada ao Governo comunicando decidir a invers√£o ante a elimina√ß√£o dos citados impostos distorcivos e da aprova√ß√£o da Reforma Fiscal, a reforma tribut√°ria deles, ora em curso  no Congresso.

Paralelo ‚Äď Um programa da GM de demiss√Ķes causadas pelo desidratar do mercado interno de l√° e de c√°, serve de apoio √†s decis√Ķes.

Ocasi√£o – Lan√ßamento do novo VW T-Cross, a ser constru√≠do na f√°brica de S√£o Jos√© dos Pinhais, Pr, sobre nova plataforma MQB, for√ßar√° mudan√ßa nos produtos Audi, tamb√©m l√° montados. Na pr√°tica um novo Q3 e, possivelmente, Audi A4.

Bolso ‚Äď Na beirada do balc√£o √© presum√≠vel a venda das √ļltimas unidades feitas sobre a plataforma atual, a pre√ßos simp√°ticos. Se interessado, fique de olho.

Tamb√©m ‚Äď Com o an√ļncio da Mercedes vendendo a linha do Classe C ‚Äė18/‚Äô19 a partir de novembro, a de 2018/18, em estoque nos revendedores, ser√° ouvinte atenta a propostas de descontos e facilidades.

Neg√≥cio ‚Äď Peugeot divulgou, junto com lan√ßamento dos novos 508 SW e Rifter no Sal√£o de Paris, pacote de facilidades: compra on-line; recebimento do usado do comprador como entrada; financiamento; entrega do O Km em endere√ßo indicado pelo consumidor. O neg√≥cio autom√≥vel est√° mudando em produto, rela√ß√Ķes, assist√™ncia, instala√ß√Ķes do revendedor.

Pol√≠tica ‚Äď Peneirada a primeira extra√ß√£o na depura√ß√£o presidencial, dois candidatos v√£o para a sele√ß√£o final. Nenhum dos dois se comprometeu com a ind√ļstria automobil√≠stica, mobilidade.

Como fica – Anfavea, associa√ß√£o dos fabricantes de ve√≠culos, est√° preocupada com o desdobramento dos planos ou falta deles, em especial quanto a tratamento tribut√°rio, promessas de maior abertura comercial, e o projeto Rota 2030 no Congresso, com parlamentares em seus √ļltimos dias de Cinderela.

Mais uma ‚Äď Kawasaki motos inaugurou concession√°ria Premium, em Curitiba. Quer diferenciar-se por contratar time de vendas e p√≥s vendas com larga experi√™ncia. √Č a 35¬™ loja da marca. Fica √† Rua Gon√ßalves Dias, 195, bairro Batel.

GenteEduardo Pincigher, diretor de comunica√ß√£o da JAC Motors, independ√™ncia. OOOO Ser√° assessor de imprensa da marca, abrindo leque profissional para atender a outras empresas, prestar consultoria, auditar crises. OOOO √Č do ramo, viveu os dois lados do mercado. OOOO

Tag Cloud

Deixe um comentario

(*) Campos obrigatórios
ATENÇÃO: Todos os comentários postados nesse site, terão que ser aprovados pelo moderador e não irá aparecer automaticamente. Não serão permitidos comentários ofensivos contra a marca e os leitores, como palavrões. O texto tem que ser digitado em letras minúsculas respeitando as regras da nossa gramática. Comentários que não sejam sobre o assunto da matéria serão descartados. Ao postar um comentário, quer dizer que você concorda coma s regras acima. Obrigado.

© COPYRIGHT2018 CarPoint News - Todos os direitos reservados É proibida a reprodução de conteúdo deste site em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico, sem autorização por escrito