Ducati lança no Brasil a Supersport S

Postado em: 14, setembro 2018 por Redacao

Fruto de um projeto inovador da Ducati, de estilo autêntico e assinatura versátil, a Supersport S é perfeita para o uso urbano, confortável para viagens e surpreendente no track day.

Tem como característica principal a posição mais ergonômica e relaxada para o piloto e também para o passageiro. De visual leve e compacto, a Supersport S é dinâmica, de visual inspirado na linha Panigale e com o chassi Trellis, caracteristico de alguns modelos da marca.

A Ducati SuperSport S vem equipada com suspensão Öhlins totalmente ajustável, sistema de aumento/redução de marchas Ducati Quick Shift (DQS) e capa para o assento traseiro.

Ágil em ruas urbanas, confortável em estradas a SuperSport S é versátil. Posições relaxadas para piloto e passageiro, boa deflexão do fluxo de ar com o visor de Plexiglas com altura ajustável e a quilometragem permitida pelo tanque de combustível de 16 litros também fazem da nova Ducati SuperSport uma boa companhia para qualquer jornada.

A versão SuperSport S vem com suspensão Öhlins totalmente ajustável, sistema de aumento/redução de marchas Ducati Quick Shift (DQS) e capa para o assento traseiro.

A SuperSport S tem um motor de cilindro duplo de 937 cm3 Testastretta 11°. Ele produz 113 cv a 9.000 rpm e uma curva completa de torque linear com pico de 96,7 Nm a 6.500 rpm.

Graças aos três modos de pilotagem (Esportivo, Turismo e Urbano), o temperamento da SuperSport S pode ser adaptado para garantir o máximo de aproveitamento em qualquer condição de pilotagem. Cada modo de pilotagem pode ser customizado, permitindo que a moto seja ajustada rapidamente para atender preferências e níveis de pilotagem pessoais.

O quadro da SuperSport S é o último desenvolvimento do famoso design Trellis, que explora o motor como elemento de sustentação de carga. Compacto, leve e rígido, ele tem um papel fundamental em tornar a SuperSport ligeira, mas sem deixar de ser uma máquina instintiva que pode ser pilotada por qualquer um.

A configuração de quadro inteligente desempenhou uma função crucial em manter o peso úmido em volta de um máximo de 210 kg. Uma sensacional geometria do chassis, acime de tudo a distância de 1.478 mm entre os eixos e o pneu traseiro de 180/55, fazem da SuperSport S fácil de manusear tanto em ruas das cidades quanto em curvas montanhosas, maximizando a estabilidade nas curvas e em alta velocidade.

A Ducati SuperSport S pode ser equipada com toda uma linha de acessórios Ducati Performance (alguns estão incluídos nos pacotes Sport, Touring e Urban), que permitem aos proprietários configurar a motor de acordo suas necessidades pessoais.

A Ducati Performance criou uma série de pacotes e acessórios disponíveis individualmente para trazer à tona toda a versatilidade da moto e customizá-la de acordo com o gosto individual. Tanto a versão as versões da SuperSport podem ser aprimoradas com os pacotes Sport, Touring e Urban, que também podem ser montados juntos.

Uma olhada de frente mostra que ela tem uma distinta ‘sensação familiar com a supermoto Panigale. Adicionalmente aos faróis de milha diurnos (DRL) em LED altamente distintivos, as parábolas de farol alto e baixo do farol dianteiro estão posicionadas nas sombras do conjunto, quase escondendo-as da visão frontal direta: assim como os montados nos principais modelos esportivos da Ducati.

Rebaixada, aerodinâmica e assertiva, a carenagem dianteira da SuperSport flui naturalmente para a estrutura de aço do tanque de combustível, seguindo com o esquema de cor pelo caminho inteiro até o cockpit bem projetado que abriga o painel de instrumentos em LCD. Uma tela de Plexiglas em estilo esportivo com duas diferentes configurações de altura garante uma proteção eficiente contra o fluxo de ar.

Na visão lateral, as linhas, proporções e volumes são típicas das motos esportivas Ducati, com a traseira aerodinâmica e o tanque esculpido desempenhando uma função essencial. Esse último é fixado às carenagens principal e dianteira por reforços maciços que envolvem o quadro Trellis. Cortada para revelar o coletor de exaustão e o motor, a carenagem inferior é feita para agradar os olhos, algo imprescindível em uma Ducati SuperSport.

A escrupulosa atenção da Ducati aos componentes técnicos também é vista no escapamento lateral compacto, esportivo e agrupado. A modelagem e o design rebaixado destacam o dinamismo da traseira, deixando os raios das rodas traseiras em Y claramente visíveis e proporcionando espaço em abundância para bagageiros laterais (disponíveis como acessórios).

O assento único, cujas áreas do piloto e do passageiro são destacadas pela costura contrastante e apenas uma sugestão de “encosto” para o piloto, confortável para o uso diário, mas também altamente adequada para a pilotagem esportiva. Em visão por cima, a carenagem dianteira e o tanque formam, juntamente com o formato do assento, aquela inconfundível silhueta compartilhada pelas mais esportivas motocicletas Ducati.

O máximo de atenção ao triângulo ergonômico, à proteção aerodinâmica e à liberdade de movimento do piloto resultou em conforto, versatilidade e assombrosa capacidade de manuseio esportivo. A área do piloto no assento em peça única está a apenas 810 mm do solo, permitindo pisar firmemente no chão. A altura do guidão não impõe tensão desnecessária sobre os pulsos e o posicionamento dos estribos evita que os joelhos fiquem cansados, ao mesmo tempo em que maximiza o controle. O para-brisas de Plexiglas com altura ajustável pode ser posicionado em duas diferentes posições com 50 mm de deslocamento, garantindo a devida proteção contra o fluxo de ar mesmo em velocidades de estrada; é possível obter maior proteção encaixando o para-brisas de Plexiglas maior para turismo, disponível como acessório. Estribos confortavelmente separados para piloto e passageiro e um compacto e discreto silenciador lateral garante o máximo em liberdade de movimento.

Os benefícios da posição de pilotagem são evidentes tanto durante o dia-a-dia quanto em viagens de média duração, também garantindo a pilotagem esportiva plena de diversão.

A seção do passageiro no assento fica bem separada dos estribos e possui estofamento confortável. Os níveis de conforto em longa distância podem ser ampliados ainda mais com a escolha de um assento com estofamento adicional na ampla linha de acessórios; ela também oferece alças de garupa externas que dão uma aderência mais ergonômica em comparação com as alças comuns por baixo do assento.

A SuperSport é movida por uma versão especialmente adaptada do já renomado e apreciado Ducati Testastretta 11° 937 cm3 com cilindros duplos. Com classificação Euro 4, ele possui quatro válvulas por cilindro, um sistema de ar secundário, arrefecimento a líquido, uma taxa de compressão de 12.6:1 e medições de orifício e curso de 94 e 67,5 mm, respectivamente. O rendimento do motor tem um total de impressionantes 113 hp a 9.000 rpm (o valor de potência indicado é medido utilizando um dinamómetro de chassis) e um torque máximo de 96,7 Nm a 6.500 rpm.

Na SuperSport, o motor Testastretta 11° possui cabeçotes de cárter e cilindro reprojetados para tornar a unidade de força uma parte totalmente ressaltada do quadro; outras modificações incluem o reencaminhamento da água pelos cabeçotes e uma tampa do alternador especificamente projetada para permitir a instalação do novo sensor de engrenagem. Corpos de aceleração grandes de 53 mm – suavemente controlados pelo sistema totalmente Ride-by-Wire – permitem que o motor aproveite ao máximo a mistura ar-combustível. Além disso, este motor também possui sistemas de controle e injeção sem precedentes.

Apresentando dutos com diâmetro externo de 54 mm, o sistema de exaustão tem uma disposição 2-1-2, na qual um pré-silenciador inferior é conectado a um silenciador lateral com dois tubos agrupados extremamente compactos.

A manutenção é tão livre de preocupação quanto possível: o motor de cilindro duplo tem um intervalo de serviço de 15.000 km ou 12 meses com inspeção de folga das válvulas a cada 30.000 km.

A potência do motor é transmitida por uma caixa de marchas com 6 velocidades com um sensor de marcha projetado especificamente para permitir isso. A linha SuperSport também é equipada com a unidade de aumento/redução de marchas Ducati Quick Shift (DQS), oferecida de fábrica na série SuperSport S e disponível como acessório para a SuperSport.

Possuindo controle de fiação de baixo esforço, a embreagem é do tipo deslizante com banho de óleo. A função deslizante é acionada quando a roda traseira exerce torque de resposta, reduzindo a pressão sobre os discos para garantir a estabilidade do veículo durante a redução de marcha agressiva que é típica da pilotagem competitiva.

Até o dia 26 de setembro os 15 primeiros clientes que fizerem a pré-reserva do novo modelo, em qualquer uma das concessionárias Ducati no Brasil, ganharão um Kit Ducati Touring (composto de dois maleiros laterais rígidos, parabrisa alto e manoplas aquecidas) ou um Kit Ducati Sport (composto de paralama dianteiro de carbono, manetes de alumínio Rizoma, setas em LED, tampas dos reservatórios em alumínio e protetor de tanque em carbono.

Fonte: DUCATI DO BRASIL – PR & Imprensa

Tag Cloud

Deixe um comentario

(*) Campos obrigatórios
ATENÇÃO: Todos os comentários postados nesse site, terão que ser aprovados pelo moderador e não irá aparecer automaticamente. Não serão permitidos comentários ofensivos contra a marca e os leitores, como palavrões. O texto tem que ser digitado em letras minúsculas respeitando as regras da nossa gramática. Comentários que não sejam sobre o assunto da matéria serão descartados. Ao postar um comentário, quer dizer que você concorda coma s regras acima. Obrigado.

© COPYRIGHT2018 CarPoint News - Todos os direitos reservados É proibida a reprodução de conteúdo deste site em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico, sem autorização por escrito